Adoção de criptomoedas por Bancos dos EUA é uma faca de dois gumes

Compartilhar Artigo
EM RESUMO
  • Bancos norte-americanos poderão investir em criptomoedas

  • Medida provavelmente culminará na valorização do Bitcoin e outras criptomoedas

  • Entretanto, os Bancos representam o sistema que o Bitcoin se propõe a substituir

  • promo

    Estamos compartilhando informação no nosso grupo de Telegram , siga-nos! E obtenha sinais de trading e análise de criptomoedas diariamente!

The Trust Project é um consórcio internacional de veículos de notícias que criam padrões de transparência.

Adoção de criptomoedas é permitida aos Bancos norte-americanos, após decisão de entidade regulatória. Assim, novidade pode ser interpretada de duas formas; por um lado, isso é bom para os preços. No entanto, liberdade financeira pode sofrer.



Ontem, a OCC, entidade regulatória financeira dos EUA, se pronunciou de maneira favorável à possibilidade de os Bancos oferecerem serviços de custódia de Bitcoin e outras criptomoedas, em solo norte-americano.

Assim, os Bancos poderão oferecer um portfólio de criptomoedas aos seus clientes, em concorrência direta com as Exchanges. Isso representa uma boa notícia para o preço do Bitcoin. Contudo, sob o ponto de vista do que o Bitcoin representa, relativamente à liberdade financeira, há com o que se preocupar.



Entre no canal de trade de criptomoedas do BeInCrypto e receba sinais de forma gratuita!

Bancos podem oferecer criptomoedas aos clientes

A novidade foi divulgada através de uma carta de Jonathan Gould, que é chefe do Gabinete do Controlador da Moeda (OCC). Desta maneira, os bancos agora podem competir com as Exchanges pelos investimentos dos entusiastas de criptomoedas.

No entanto, há dois pontos importantes sobre a decisão que devem ser pesados pelos entusiastas: a valorização no preço das criptomoedas versus a entrada de players tradicionais no mercado.

Aumento dos preços versus liberdade econômica

A entrada dos grandes Bancos norte-americanos no mercado de criptomoedas, de forma oficial, provavelmente vai culminar na valorização do Bitcoin e demais criptomoedas. Isso acontece porque haverá aumento da demanda, por parte desses Bancos, para montar um portfólio competitivo.

Contudo, eles não deixam de ser grandes Bancos. Por isso, é difícil imaginar que eles sejam favoráveis à libertação econômica almejada pelo Bitcoin, que foi criado exatamente para diminuir a dependência das pessoas de instituições centralizadoras.

Dessa forma, é necessário esperar, a fim de perceber qual acontecerá após a adoção de criptomoedas pelos Bancos. Inclusive, se espera que a comunidade cripto não permite que eles “centralizem” a oferta de criptomoedas.

Entre para o canal de Sinais do BeInCrypto

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
Share Article

TÓPICOS RELACIONADOS

Nicolas se formou em Direito pela Universidade Federal do Paraná e é pós-graduado em Gestão de Negócios Internacionais. Atualmente, cursa Jornalismo na FAPCOM. Escreve sobre economia, política e história há alguns anos. Em 2017, após entrar em contato com a tecnologia blockchain, se entusiasmou com o seu potencial e passou a estudar as aplicações da tecnologia aos diversos setores da economia. Seu foco está em discutir as melhores maneiras de alavancar o desenvolvimento nacional através do uso do blockchain e das criptomoedas.

SEGUIR O AUTOR

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá