Quando se trata de negociar criptomoedas, é crucial saber quando entrar e sair do mercado. O tempo é tudo na negociação. Determina quanto lucro você gera ou se você vai ter lucro ou não. As criptomoedas de negociação podem ser confusas devido à disparidade de preços. Os preços geralmente diferem de uma exchange para outra devido ao nível de atividade na bolsa. É aqui que os comerciantes de arbitragem fazem fortuna.

Noções Básicas de Negociação de Arbitragem

A negociação de arbitragem beneficia aqueles que podem tirar proveito das diferenças de preço em instrumentos financeiros idênticos em diferentes plataformas. O comércio de arbitragem é um dos resultados mais empolgantes de um modelo de mercado imperfeito e ineficiente.

Arbitragem de Criptomoedas

A arbitragem de criptomoeda ocorre quando você compra um ativo digital em um mercado para poder vender simultaneamente a um preço mais alto em outro mercado. Como exemplo, você pode encontrar o Bitcoin negociado a US $ 7.500 na Bolsa A e US $ 7.550 na Bolsa B. A diferença pode parecer minúscula, mas um trader com bolsos profundos que age rapidamente, pode obter um lucro arrumado com uma única transação.

A indústria de criptomoedas tem uma enxurrada de oportunidades de arbitragem.As bolsas maiores têm níveis de liquidez mais altos e podem impulsionar os preços das criptomoedas, mas as bolsas menores nem sempre seguem os preços estabelecidos em suas contrapartes maiores. No tempo necessário para essas exchanges menores cumprirem os preços de mercado, os negociadores de arbitragem poderiam aproveitar a oportunidade de ganhar algum dinheiro.

As formas de negociação de arbitragem de criptomoedas

Algumas das abordagens mais populares que você pode adotar na negociação de arbitragem de criptomoedas incluem:

1. Arbitragem Simples

É a forma mais comum de arbitragem disponível. Para lucrar com esse método, você só precisa comprar uma criptomoeda em uma bolsa a um preço baixo e vendê-la a um preço mais alto em outra bolsa.

2. Arbitragem de Convergência

Sob convergência, um trader compra uma criptomoeda em uma bolsa onde está subvalorizada e depois a ativa para obter lucro em outra plataforma onde está supervalorizada. Essa abordagem pode ser bastante lucrativa se executada corretamente.

3. Arbitragem Triangular

A arbitragem triangular é bem diferente da forma simples. Em vez de simplesmente comprar uma criptomoeda em uma bolsa, você compra três ativos digitais separados, com muito cuidado para observar os desequilíbrios em certos pares de negociação. Por exemplo, você pode achar que a negociação Bitcoin Cash pois o Ether será lucrativo se você mudar o Ether para Litecoin em uma exchange e depois trocar o Litecoin por Bitcoin Cash em uma terceira exchange. Três exchanges, três ativos digitais. Um triângulo perfeito.

Prós e contras da negociação de arbitragem de criptomoedas

Pros

A.Lucro rápidos

O benefício mais significativo da negociação de arbitragem, é claro, é a velocidade com a qual você pode obter lucro. Ao contrário do comércio convencional que pode levar tempo, o comércio por arbitragem envolve você aguardando a oportunidade perfeita e agindo em um instante. Seus ganhos são instantâneos, desde que seja possível encontrar uma discrepância no preço de mercado ou um desequilíbrio nos preços nas exchanges para aproveitar.

B. Uma abundância de oportunidades

Você também se beneficia do fato de haver hoje centenas de exchanges de criptomoedas no mundo – com ainda mais a serem lançadas ao longo do tempo. Então, suas oportunidades são infinitas. Verifique em várias exchanges populares (e até mesmo impopulares) e você poderá encontrar uma ou duas discrepâncias para aproveitar e ganhar dinheiro.

Contras

A. Requisitos de capital maciços

Talvez o primeiro ponto a ser observado aqui seja que apenas aqueles que dispõem de tempo, experiência e fundos para negociar poderão aproveitar ao máximo. O comércio convencional de criptomoedas pode ser realizado por quase todos, não importa quanto você tenha. No entanto, se você quiser entrar na negociação de arbitragem de criptomoedas e obter lucros significativos, também precisará fazer backup de suas compras comprando em massa.

Riscos associados à negociação de arbitragem

1.Risco de execução

Você não pode fechar mais de uma transação por vez. Portanto, um rápido movimento de ativos pode ocorrer no tempo que leva para você concluir um negócio, apagando assim sua vantagem.

2. Risco da contrapartida

Esse é o risco que ocorre quando a outra parte no comércio deixa de cumprir sua obrigação. Lembre-se de que você precisará fazer grandes negociações para lucrar com uma transação de arbitragem. Quando uma contraparte falha repentinamente em manter sua parte no acordo, você pode perder dinheiro como resultado.

3. Taxas de Câmbio

As exchanges de criptomoedas são organizações centralizadas que fornecem ferramentas para negociar criptomoedas mediante taxa. As taxas são o que os torna lucrativos.

O primeiro demérito relacionado a exchanges aqui tem a ver com taxas. Todas as exchanges ganham dinheiro com taxas de negociação, taxas de retirada e taxas de depósito. Portanto, além de procurar exchanges nas quais você pode vender em alta e obter lucro, também precisa garantir que as taxas da exchange sejam baixas o suficiente para que elas não afetem muito os lucros. Quando as taxas superam as receitas, o comércio não vale a pena.

4. Segurança

Como todos os depositários centralizados de ativos, as exchanges de criptomoedas representam o risco de serem invadidas e, como você precisará armazenar sua moeda Nas carteiras das exchanges, ameaças à segurança podem colocar seu dinheiro em risco.

Se você está negociando negociações de arbitragem transfronteiras (ou seja, negociação de arbitragem em duas bolsas baseadas em países diferentes), também precisará considerar o
Know Your Customer (KYC) and Anti-Money Laundering (AML) regulamentos. A negociação em algumas exchanges significa que você precisará fornecer documentos para verificar sua identidade.

Selecionando uma Bolsa de Criptomoedas para Negociação de Arbitragem

Aqui estão os fatores mais críticos a serem considerados ao escolher uma exchange de criptomoeda para negociar:

Taxas Totais

Lembre-se de que várias exchanges  vêm com várias taxas para as principais transações – depósitos, saques e negociações. Essas taxas aumentariam seus custos e, finalmente, decidiriam a lucratividade de seus negócios de arbitragem.

Locais e Restrições

Também é possível que algumas exchanges restrinjam vários de seus recursos com base na localização dos traders. Antes de fazer uma troca ou iniciar uma transação, verifique se você tem acesso total ao conjunto de serviços (ou, no mínimo, aos serviços necessários) em uma exchange.

Confiabilidade

A preocupação mais crucial para os comerciantes é salvaguardar seus fundos. Muitos traders de arbitragem tendem a se afastar em busca de oportunidades privilegiadas e acabam em exchanges sem escrúpulos, expondo-se a riscos. Todo trader enfrenta riscos, mas é sempre melhor você ficar com exchanges com um histórico comprovado de confiabilidade.

Etapas de Verificação da Conta

Atualmente, as medidas KYC são mais vitais do que nunca nas exchanges de criptomoedas. A maioria das exchanges regulamentadas não permitirá que você negocie um único ativo, a menos que seja verificado. Somente esse processo pode levar dias. Como regra geral, você deve tentar desviar todas essas etapas de verificação de identificação antes de começar a negociar para garantir uma experiência perfeita.

Liquidez de Mercado

Outro benefício da negociação em grandes bolsas de valores é a liquidez. Para os comerciantes que desejam comprar uma quantidade muito alta de criptomoeda por vez, esse é um ponto crucial.

Agora, que já analisamos alguns dos tipos de métodos de negociação de arbitragem criptográfica e os riscos envolvidos, é hora de começar. Lembre-se de que o principal princípio da arbitragem é encontrar discrepâncias de preços nas plataformas de câmbio. Contanto que você possa encontrar uma exchange confiável, não terá problemas em capitalizar oportunidades comerciais que gerariam retornos sólidos.