Um robô de investimentos é exatamente o que parece – um consultor financeiro automatizado que gerencia seu dinheiro, fornece consultoria financeira com base em um conjunto de algoritmos e / ou automatiza operações.

Como muitas decisões podem ser categorizadas sem intervenção humana, um robô trader pode ser uma ótima maneira de considerar estratégias de investimento sem passar por um consultor financeiro humano. Este guia fornecerá uma análise abrangente dos robôs de investimentos.

Neste Artigo:

O que é um robô de investimento?

O conceito de robô de investimento surgiu em 2008, um ano após a crise econômica mundial de 2007. Eles se tornaram cada vez mais populares em 2010, no auge da grande recessão.

Hoje, os robôs de investimento foram adotados para diversos fins. Eles ajudam os consumidores a descobrirem suas tolerância ao risco, estabelecerem metas para vários marcos e eventos de vida e gerenciarem automaticamente os investimentos de acordo com esses guias.

Um robô de investimento nada mais é do que um software ou plataforma especializados no mercado financeiro.

Como funciona um robô de investimento?

Os robôs financeiros utilizam diversos algoritmos para entender o mercado e mapear as tendências.

Eles fazem o serviço de um corretor de investimento, montando um portfólio de acordo com o seu perfil e objetivo.

Além disso, os robôs de investimentos realizam operações como compra e venda de ativos.

Como começar com um robô de investimento?

Robôs de investimento são cuidadosamente projetados por consultores de investimento de alto nível, com décadas de experiência no setor financeiro, ao lado de profissionais de tecnologia e design.

No Brasil, os robôs de investimento mais conhecidos são o da Magnetis, Vérios, Monetus e Warren. Pioneira em robôs de investimentos, a Magnetis tem um robô de investimento consolidado no mercado brasileiro. Mas tanto a Vérios,  a Monetus e a Warren possuem robôs de investimentos conceituados, portanto, são indicados para todos aqueles que estão pensando em utilizar esse serviço para investir.

Existem vários robôs de investimento que vale a pena considerar enquanto você procura a melhor combinação. Eles geralmente têm interfaces fáceis de usar, pesquisas iniciais que o ajudarão a entender como funcionam e resultados claros definidos antes de você se inscrever.

Portanto, o primeiro passo é este, começar a pesquisar sobre os robôs de investimento para encontrar aquele que mais se adeque ao seu perfil.

Taxas para robôs de investimento

Os robôs de investimento geralmente cobram taxas variáveis para investimentos automatizados. Em média, eles cobram entre 0,4 e 0,7 por cento de seu portfólio como taxas de gerenciamento. Você também pode tirar proveito de algumas opções gratuitas, se desejar.

Essas taxas excluem aquelas taxas que você paga nos investimentos. Por exemplo, investir em fundos mútuos e ETFs provavelmente terá incidência de taxas extras. Essas taxas são cobradas sobre os ativos antes da devolução.

Tipos de robôs de investimento

Um robô de investimento é qualquer robô que tenha como objetivo executar uma estratégia de investimento. Hoje, no mercado, existem diversas opções de robôs, dos mais simples até os mais sofisticados e com melhor grau de precisão.

São elas, o robô trader, o negociador de alta frequência e o robô advisor.

1 – Robô trader

O robô trader, ou algotrading, é um programa que negocia ativos financeiros automaticamente. Ele é voltado para pessoas que investem em renda variável, já que sua principal função é programar ordens de compra e venda de ações.

Esse robô é perfeito para day traders, uma vez que, ao programar funções repetitivas, o investidor não necessita ficar o tempo inteiro observando o pregão e pode ter mais tempo no dia a dia.

Normalmente, é necessário definir todas as regras para que o algoritmo funcione corretamente. Por exemplo, será necessário informar o momento certo para comprar e vender as ações, o stop (limite aceitável de perda) e qual é a meta de lucro da operação.

Porém, alguns robôs mais sofisticados permitem que sejam aplicadas fórmulas para deixar o próprio robô decidir quando é hora de comprar ou vender.

2 – Negociador de alta frequência (HFT)

Antecessor dos robôs traders, o high-frequency trader (HFT) foi um dos primeiros robôs a surgirem no mercado financeiro.

O objetivo desse tipo de robô é realizar operações de compra e venda de ativos em um período de tempo muito curto. Geralmente essas operações levam menos de segundos.

Além disso, os robôs de negociação de alta frequência utilizam algoritmos extremamente especializados e que, geralmente, custam uma fortuna.

Esse robô é utilizado para dar apoio a bancos, fundo de valores, corretoras de valores e outras instituições que negociam na bolsa.

3  – Robô advisor

O robô advisor é um serviço que planeja investimentos automaticamente. O algoritmo do robô advisor vai te mostrar as melhores estratégias de investimentos de acordo com o seu perfil e o prazo de manutenção dessas aplicações. Geralmente, eles fazem isso com base em alguma variante da Teoria Moderna de Portfólio, que aloca fundos para produtos de investimento que não são positivamente correlacionados.

A principal característica de um robô advisor é a diversificação de investimentos. Eles alocam fundos para ativos arriscados e livres de risco. Afinal, o objetivo desse serviço é proteger o seu patrimônio e aumentar a rentabilidade da sua carteira.

Além disso, esse robô é recomendado para investidores que não possuem conhecimento técnico ou experiência.

De modo geral, o robô advisor é uma forma de diminuir os obstáculos criados pelos usuários que têm medo de se aventurar pelo mercado financeiro.

Além desses robôs mencionados acima, ainda é possível encontrar o consultor de investimentos digitais. Esse termo abrange modalidades de consultoria e gestão dos investimentos das pessoas. Ou seja, são consultorias que utilizam somente plataforma digitais e podem ou não fazer uso de robôs para recomendar aplicações financeiras.

Tanto o robô trader, quanto o negociador de alta frequência são utilizados por um grupo muito seleto de investidores. Geralmente os usuários desse tipo de robôs já possuem conhecimento técnico e não são investidores iniciantes.

Mas para a grande parte dos investidores, principalmente para aqueles que estão começando a engatinhar no mercado financeiro, os robôs advisors são uma ótima alternativa. Portanto vamos entender um pouco mais sobre eles.

Os benefícios do robô advisor

Ao usar um robô advisor os investidores podem diversificar carteiras usando aplicativos de investimento e calculadoras que vêm com taxas de gerenciamento de contas baixas. Além disso, muitos oferecem acesso a um consultor de investimento humano. Portanto, os usuários podem se consultar com um humano quando as decisões se tornam mais complicadas ou o consumidor deseja esclarecimentos sobre as estratégias de investimento.

Além disso, o robô advisor pode ser uma ótima opção durante a incerteza do mercado. Já que o elemento emocional humano é removido da decisão. Em vez de sofrer com as perdas ou decidir quando será o melhor momento para comprar ou vender, o robô advisor pode manter o investidor sob controle com base em seu plano de investimento predeterminado.

Melhores robôs de investimento de 2020

1 – Magnetis

A Magnetis foi a primeira fintech de investimentos do Brasil. Fundada em 2015, a Magnetis é uma gestora licenciada pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

A empresa trabalha com o robô advisor e a contratação do serviço pode ser feita gratuitamente através da plataforma de investimentos digital.

Como funciona

Para começar a usar a Magnetis você precisa baixar o aplicativo ou fazer o cadastro pelo site da empresa. Os algoritmos do robô irão analisar o seu perfil e, posteriormente, fazer recomendações.

O valor mínimo para fazer o primeiro investimento com o robô da Magnetis é de R$ 1 mil. Porém, as próximas aplicações aceitam valores a partir de R$ 100.

Esses investimentos são realizados em parceria com a Easynvest, uma das maiores corretoras de valores do Brasil.

A vantagem dessa parceria entre a Magnetis e a Easynvet é que os seus sistemas são integrados. Ou seja, você não vai precisar fazer malabarismos para usar diferentes plataformas ao mesmo tempo.

Além disso, você ainda pode acompanhar seus investimentos em tempo real, seja através de plataforma web ou aplicativo.

Taxas

A Magnetis cobra uma taxa de gestão sobre o valor total investido. Essa taxa é de 0,6% ao ano.

Porém, a empresa devolve 100% dos descontos obtidos junto de fornecedores, prática também conhecida como cashback de fundos de investimentos.

2 – Vérios

A Vérios se inspirou em grandes empresas do mercado internacional, como a Wealthfront e a Betterment. Com oito anos de atuação no mercado financeiro, desenvolvendo projetos de endowments, a Vérios criou ferramentas pioneiras como um comparador de fundos.

O seu robô advisor, também conhecido como Ueslei, monitora os investimentos dos seus clientes 24 horas por dia, sete dias por semana.

Como funciona

O robô de investimentos da Vérios é perfeito para quem quer investir em longo prazo. Um dos diferenciais do robô é o rebalanceamento automático. Sua carteira é monitorada diariamente e, ao fazer novos aportes, a Vérios distribui o dinheiro entre os ativos automaticamente.

A aplicação mínima inicial é de R$ 12 mil, porém, os aportes adicionais são a partir de R$ 100.

Taxas

A Vérios cobra entre 0,4 e 0,7% anual sobre o valor investido. Porém, somando todos os outros custos, como a corretagem e custódia, o total das taxas fica em 0,95% ao ano.

Ou seja, toda e qualquer taxa cobrada para compra e venda de ativos, taxas do tesouro direto e taxas de liquidação e emolumentos da BM&FBovespa está incluída na taxa de 0,95% da Vérios.

Dentro do sistema da Vérios é possível saber exatamente quanto e quais foram as taxas pagas a cada mês.

3 – Monetus

Fundada em 2017, a Monetus é um robô de investimento do tipo robô advisor. A empresa possui cinco carteiras de investimentos, que incluem renda fixa e variável, de acordo com o perfil do investidor.

Como funciona

O robô da Monetus utiliza da Teoria Moderna do Portfólio para entregar um portfólio de investimentos diversificado e eito sob medida para os usuários.

A seleção dos investimentos e até a elaboração dos portfólios da Monetus é feita por uma equipe de gestores profissionais. Ao robô cabe somente a função de processar os cálculos para alocamento dos ativos, monitoração e o calculo do retorno diário do portfólio.

Diferente dos outros robôs mencionados anteriormente, o aporte inicial da Monetus é de somente 100 reais.

Além disso, o robô também realiza o rebalanceamento automático dos aportes e reinveste automaticamente os dividendos.

Taxas

A Monetus não cobra taxas de resgate, manutenção ou performance. As taxas cobradas são relativas à administração dos undos de investimentos e gestão dos títulos de crédito privado.

Suas taxas são variáveis, começam em 0,3% (fundo de renda ixa e crédito privado) e chegam a 0,6% ao ano (undo de ações, multimercado e debêntures incentivadas).

4 – Warren

Nascida em solo estadunidense no final de 2014, a Warren foi fundada por brasileiros e desembarcou em terras nacionais em meados de 2016.

A empresa possui escritórios em São Paulo e nas maiores cidades da região sul do país.

Além de investimentos a longo prazo, na Warren é possível fazer trade. E a sua carteira é tão robusta que possui opções de renda fixa, ações, fundos multimercado e criptos.

Como funciona

Ao se cadastrar na Warren um robô irá te fazer perguntas rápidas para descobrir o seu perfil de investidor e sua tolerância ao risco. Mas cabe a você decidir qual é o seu objetivo. A partir daí o robô advisor da Warren irá sugerir os melhores produtos para você investir.

Além de te ajudar a investir, o objetivo da Warren é facilitar a sua rotina financeira. Para isso, o robô permite que você possa definir quantos objetivos quiser e até mesmo compartilhá-los com outros usuários.

O aporte mínimo é de apenas R$ 100.

Taxas

Os produtos da Warren possuem taxa zero. Mas você paga um percentual referente a gestão ativa dos seus investimentos. A taxa é variável e decrescente, de acordo com o valor total investido na plataforma.

Para usuários que investem até R$ 100 mil, a taxa é de 0,7% ao ano. Já para os usuários que investem de R$ 100 mil até R$ 1 milhão, a taxa é de 0,6%. Quem investe quantias acima de R$ 1 milhão paga 0,5% de taxa.

As limitações dos robôs de investimento

a. Eles não são planejadores financeiros

Robôs de investimentos, principalmente o robô advisor, tendem a se posicionar como planejadores financeiros automatizados. Embora possam cuidar do processo de construção do portfólio (e até custar menos), eles ainda são mais limitados do que os melhores planejadores financeiros.

Um bom planejador financeiro conhece você pessoalmente e ajudará a criar um plano que use todas as oportunidades e ferramentas disponíveis. Esse serviço é o que o ajudará a atingir seus objetivos. Por enquanto, os robôs de investimento atuam como ferramentas que ajudam principalmente a criar e gerenciar seu portfólio de investimentos.

b. Eles não são personalizados

Os robôs de investimento ainda não conseguem atender às necessidades de cada investidor individual. Embora eles permitam que você defina seus objetivos de investimento e os edite, existem alguns problemas relacionados a dinheiro que apenas bate-papos com humanos podem resolver.

É por isso que a maioria dos robôs advisors permite que você converse com planejadores financeiros certificados.

c. Suas performances não são garantidas

Existem riscos com os robôs de investimento – assim como qualquer outro investimento. Você ganha retornos ou perde dinheiro com base no desempenho dos ativos que escolhe. Não acredite que um robô, por mais soisticado que seja, conseguirá prever o futuro. Ou então garantir que você terá lucro todas as vezes. Principalmente se você investir em ativos de risco.

Conclusão

Os robôs de investimento já provaram ser bastante eficazes na automatização e simplificação do processo de investimento. Esses robôs, principalmente o robô advisor, são adequados para usuários que têm carteiras simples e experiência mínima de investimento.

Esses serviços têm dois principais argumentos de venda. Por um lado, eles ajudam você a investir e gerenciar seus fundos sem a necessidade de consultar qualquer consultor financeiro humano. Eles também vêm com pouco ou nenhum saldo mínimo, então você pode investir quantias baixas.

Ao permitir um investimento com uma quantia pequena e a baixo custo, os robôs de investimento possibilitaram que pessoas comuns dessem seus primeiros passos no mercado financeiro.