Bitcoin deve se recuperar e subir nesta semana, diz analista da Forbes

Compartilhar Artigo
EM RESUMO
  • Bitcoin vem de fortes perdas nos últimos dias

  • Analistas, no entanto, veem com bons olhos a manutenção do patamar de US$ 10.000

  • Mercado de futuros já dá os primeiros sinais positivos

  • promo

    Estamos compartilhando informação no nosso grupo de Telegram , siga-nos! E obtenha sinais de trading e análise de criptomoedas diariamente!

The Trust Project é um consórcio internacional de veículos de notícias que criam padrões de transparência.

Após uma semana de perdas, o Bitcoin pode estar pronto para disparar. Após falhar em superar os US$ 12.000, a moeda vem caindo forte.



Mas, após analistas apontarem a possibilidade de recuo para o patamar de US$ 9.500, o ativo manteve o suporte em US$ 10.000. Para alguns, a criptomoeda pode estar se preparando para recuperação.

Billy Bambrough, da Forbes, levanta a possibilidade de uma possível boa semana para o Bitcoin. Ele se apoia, entre outros argumentos, em uma fala de um ex-executivo da Prudential.



Em meados de agosto, George Ball, que já foi CEO da firma de investimento, confessou à Reuters que mudou sua visão com relação às criptomoedas.

Eu nunca disse isso antes, mas sempre fui contra a blockchain, as criptomoedas e o Bitcoin. Mas, se você olhar agora, o governo não pode estimular os mercados para sempre. Portanto, o grande investidor e o trader provavelmente recorrem ao Bitcoin ou algo parecido para se segurar.

Foi quando ele deu uma previsão que menciona, especificamente, o dia 7 de setembro como ponto de virada.

Os mercados estão esperando por uma nova faísca. E essa faísca deve acender, como normalmente acontece, logo depois do Labor Day [Dia do Trabalho nos EUA, comemorado nesta segunda-feira. 7]. Então a hora de reposicionar o portfólio é logo antes de o pavio acender. E eu acho que é [o Bitcoin] que muitas pessoas vão optar após o Labor Day.

Como comprar Bitcoin e entrar no grupo de sinais gratuito do BeInCrypto

O mercado de Bitcoin já dá sinais de alta?

A manutenção do suporte acima dos US$ 10.000 até o momento é considerado essencial para o Bitcoin. Muitos analistas consideram que esse patamar é importante para não haver reversão entre resistência e suporte.

Os primeiros bons sinais aparecem no mercado de futuros. Segundo o monitoramento da Skew, o interesse vem se consolidando e já é possível perceber leve aumento.

Já traders como @TheCryptoDog, @loomdart e @CryptoMichNL acreditam fortemente que a manutenção dos US$ 10.000 é uma derrota dos ursos.

Bem, você sabe o que acontece se os ursos não conseguirem quebrar US$ 10k BTC.

Nunca mais abaixo de 10k.

Os US$ 10.000 estão se segurando. Isso é ótimo. Vamos ter um alívio para US$ 10.800-11.000 de modo geral.

Por outro lado, Rafael Schultze-Kraft, da Glassnode, vê com preocupação um indicador que mede a lucratividade do mercado.

O SOPR (ajustado por entidade) do Bitcin caiu abaixo de 1 pela primeira vez desde abril. Isso significa que os bitcoins se moveram com uma (pequena) perda, potencialmente sacudindo algumas mãos fracas. Na minha opinião, é muito importante manter este nível para que uma reversão da tendência de baixa não seja confirmada.

Às 13h07, o Bitcoin operava na faixa de US$ 1.175, com queda de 0,83% em 24 horas.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
Share Article

TÓPICOS RELACIONADOS

Sou jornalista e especialista, pela USP-SP, em Comunicação Digital. Já trabalhei em rádio e impresso, mas boa parte da minha experiência vem do online. Desde 2013, colaboro regularmente com o Grupo Globo na área de tecnologia, onde já cobri assuntos diversos da área, de lançamentos de produtos aos principais ataques hackers dos últimos anos. Também já prestei consultoria em projetos do Banco Mundial e da ONU, entre outras instituições com foco em pesquisa científica. Entrei no mundo das criptomoedas principalmente na cobertura de ataques cibernéticos e golpes no Brasil. Atualmente, faço mestrado em Comunicação Científica na Universidade de Granada, na Espanha. Escrevo para o BeInCrypto desde abril de 2020.

SEGUIR O AUTOR

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá