Bitcoin Oficialmente Incluído no Programa de Ensino Médio na França Para Explicar Dinheiro e Confiança

Compartilhar Artigo

O Bitcoin em breve estará permeando o plano de estudos da escola francesa de Economia e Ciências Sociais. Observou-se que o sistema financeiro descentralizado transformou-o em um cartão de atividades para professores, a fim de demonstrar as diferentes propriedades do dinheiro.



O Bitcoin se tornou parte integrante de muitos cursos universitários e é uma escolha popular para aqueles no ensino superior. No entanto, esse movimento do Ministério da Educação da França introduzirá uma nova maneira de ver dinheiro para um aluno mais jovem.

O nível de análise aprofundada do papel do Bitcoin na economia é digno de nota no currículo do ensino médio. O cartão de atividade vai além das perguntas usuais de ‘O que é Bitcoin?’ ou ‘Como o Bitcoin funciona’ e, em vez disso, investiga questões econômicas mais complexas sobre o papel dessa nova moeda.



Educação e filosofia do Bitcoin

Como parte das atividades expressas neste recurso fornecidas pelo Ministério da Educação da França, existem quatro vídeos educacionais que colocam perguntas como: “O Bitcoin pode substituir o Euro ?; O Bitcoin é a moeda do futuro ?; O Bitcoin é uma moeda como as outras e você precisa confiar nela. ”

Além disso, o recurso do professor afirma que os alunos, depois de assistirem aos vídeos, devem listar as funções das moedas discutidas e depois aplicá-las ao Bitcoin. Além disso, os alunos também são solicitados a desassociar o Bitcoin do Euro do ponto de vista da confiança.

Embora esses vídeos relacionados ao Bitcoin sejam de 2017 e, portanto, relativamente desatualizados, o grau de análise e dedução solicitado aos estudantes ao abordar o Bitcoin é bastante sofisticado. É necessário um alto grau de entendimento econômico para lidar com esse cartão de atividades corretamente.

Há uma suposição de que os alunos do ensino médio já sabem o básico sobre o que é o Bitcoin e, em vez disso, os professores querem ver se conseguem entender onde essa nova forma de moeda se encontra em relação ao euro e mais adiante no futuro do dinheiro.

Pequeno, mas importante

Embora a inclusão do Bitcoin no currículo do ensino médio francês seja pequena, é bastante significativa e simbólica. A sugestão é que os estudantes mais jovens não estejam apenas cientes das criptomoedas, mas também analisando sua posição e lugar na economia global.

Além disso, a análise da criptomoeda está relacionada a suas facetas positivas, como o potencial para um sistema financeiro sem confiança e que se posiciona como parte da economia digital emergente do futuro – um futuro que fará parte dessas escolas. vidas das crianças.

Quando você acredita que as criptomoedas terão sua posição na educação básica no Brasil? Deixe nos comentários a sua opinião! Aproveite para compartilhar também no Twitter!


Imagens cortesia de Shutterstock, Twitter.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
Share Article

TÓPICOS RELACIONADOS

Com formação em ciências e redação, Alice começou a escrever profissionalmente há 7 anos. Desde então, ela tem aprendido, investido e escrito sobre criptomoedas e tecnologia blockchain para algumas das maiores publicações do setor. Atualmente, compõe a equipe de jornalistas Brasil da BeInCrypto.

SEGUIR O AUTOR

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá