Bitcoin ‘pode substituir ouro’, diz executivo da maior gestora de ativos do mundo

Compartilhar Artigo
EM RESUMO
  • O canal de TV CNBC entrevistou o diretor de investimentos da Blackrock, Rick Rieder na sexta-feira.

  • Rieder elogiou o Bitcoin e as criptomoedas em geral.

  • O bitcoin voltou a subir para a máxima anual após a entrevista.

  • promo

    Estamos compartilhando informação no nosso grupo de Telegram , siga-nos! E obtenha sinais de trading e análise de criptomoedas diariamente!

The Trust Project é um consórcio internacional de veículos de notícias que criam padrões de transparência.

O Chief Information Officer (CIO) da BlackRock, Rick Rieder, participou do programa Squawkbox do canal de TV americano CNBC na sexta-feira (20). Ele aproveitou a oportunidade para dizer algo surpreendentemente positivo sobre o bitcoin em relação ao ouro.



O apresentador Andrew Ross Sorkin conversou com Rieder sobre a batalha dos fundos de proteção. Além disso, a dupla falou sobre os potenciais de investimento.



O preço do bitcoin superou de maneira substancial o ouro desde o início de outubro. Agora, a criptomoeda é comercializada a quase dez onças de ouro por um BTC.

Sorkin, de brincadeira, questionou Rick sobre se ele estava otimista ou não com a principal criptomoeda do mundo. Também perguntou se o governo poderia tentar regulá-la devido à alta atual dos preços.

Bitcoin “está aqui para ficar”

Rieder desviou a questão, dizendo que acha que o bitcoin e as criptomoedas estão “aqui para ficar”. Ele ressaltou ainda que não tem muito a ver com bitcoin no que diz respeito a suas carteiras corporativas. Com isso, dessa forma, deu a entender que ele talvez invista pessoalmente em BTC.

O figurão da BlackRock não tem certeza se o preço atual (cerca de US$ 18.600) por moeda vale a pena ou não e continua se perguntando se ele acha que o Bitcoin vai tomar o lugar do ouro:

“Eu acho que é um mecanismo durável que poderia funcionar no lugar do ouro em grande medida? Sim, eu acho porque é muito mais funcional do que levar uma barra de ouro por aí.”

Rieder parece pensar assim, ecoando os antigos sentimentos de muitos na comunidade de criptomoedas sobre o surgimento de um novo padrão de ouro digital.

O bitcoin avançou fortemente logo após a entrevista, quase atingindo o valor de US$ 19.000. Se os dois eventos estão ou não correlacionados ainda não está claro, mas um endosso da BlackRock parece estar adicionando lenha à fogueira.

O bitcoin continua a ser negociado perto de seu recorde histórico em 2017, embora cerca de US$ 1.000 abaixo desse valor histórico.

 

O que é a Blackrock?

A BlackRock é uma empresa americana de gestão de investimentos globais com sede na cidade de Nova York. Fundada em 1988, a empresa é a maior gestora de ativos do mundo, com US$ 7,4 trilhões em ativos sob gestão no final de 2019. 

O CEO da BlackRock, Larry Fink, disse em 2018 que a empresa está avaliando as criptomoedas, mas advertiu que ele ainda não enxerga demanda.

Share Article

A opinião da equipe BeInCrypto em uma única voz.

SEGUIR O AUTOR

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá