Canal de jornalista é hackeado ao vivo e usado para divulgar sorteio falso de criptomoedas

Compartilhar Artigo
EM RESUMO
  • O canal do jornalista esportivo Mauro Cezar Pereira sofreu um ataque hacker neste final de semana.

  • O hacker usou sua conta na plataforma para divulgar doações falsas de Bitcoin e Ethereum.

  • Todos os vídeos do canal foram excluídos e o jornalista continua sem acesso à conta.

  • promo

    Estamos compartilhando informação no nosso grupo de Telegram , siga-nos! E obtenha sinais de trading e análise de criptomoedas diariamente!

The Trust Project é um consórcio internacional de veículos de notícias que criam padrões de transparência.

O canal do Youtube do jornalista esportivo Mauro Cezar Pereira sofreu um ataque hacker neste final de semana.



Enquanto o jornalista comentava sobre o jogo do Flamengo contra o Ceará deste domingo (19), ele informou aos 88 mil usuários que assistiam sua live que estava enfrentando “probleminhas técnicos”.

O problema, na verdade, era muito maior. O jornalista estava sofrendo um ataque hacker que deu ao invasor o controle total de seu canal do YouTube.



Ainda enquanto fazia a transmissão, o hacker trocou o nome do canal do jornalista para “Live News”. Naquele momento, o invasor substituiu a live do Mauro Cezar por uma palestra gravada do Elon Musk, o criador da Tesla e recentemente, o homem mais rico do mundo.

Um usuário do Twitter compartilhou o momento em que o jornalista percebeu que estava sendo hackeado, conforme mostra o vídeo abaixo:

Em seguida, todos os vídeos do canal do jornalista foram excluídos. Ainda nesta terça-feira (12), Pereira continua sem conseguir acessar sua conta.

Giveaway falso de criptomoedas

Além de exibir a palestra gravada de Elon Musk, a transmissão também anunciava um sorteio de criptomoedas aos usuários. 

A mensagem fraudulenta divulgava um giveaway de 3,000 BTC e 40,000 ETH. Para participar do falso sorteio, o usuário precisava clicar em um link na descrição do vídeo.

Essa não é a primeira vez que um canal grande do YouTube é hackeado para promover fraude de criptomoedas.

Como noticiado pelo BeInCrypto recentemente, o canal Ei Nerd e o youtuber Ricardo Rente, também passaram pelo mesmo problema. Nestes dois casos, no entanto, o sorteio era da criptomoeda XRP da Ripple.

Apesar disso, os ataques funcionam da mesma forma e visam enganar o público daquele influenciador ao simular um evento ao vivo com uma personalidade importante.

Só no YouTube, o jornalista Mauro Cezar Pereira possui cerca de 530 mil inscritos. No Twitter, são mais de 1 milhão de seguidores.

Pereira foi jornalista da ESPN Brasil durante 16 anos. ano passado, no entanto, o seu contrato foi interrompido. Desde então, o jornalista se dedica em compartilhar suas análises esportivas por conta própria, através do seu canal do YouTube.

No Instagram, o jornalista agradeceu o apoio que vem recebendo desde o ataque hacker e falou que segue atrás de uma resolução.

“O pessoal do YouTube está trabalhando bastante para recuperar o canal, alguns passos já foram dados. Não sei exatamente quanto tempo vai levar para ele ser totalmente recuperado, mas estou muito confiante que isso aconteça em breve.”

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
Share Article

Saori Honorato é jornalista e para o BeInCrypto escreve sobre os principais acontecimentos do universo das criptomoedas.

SEGUIR O AUTOR

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá