CEO do JP Morgan diz Que Libra é Uma Boa Ideia, mas Não Irá Acontecer

Compartilhar Artigo

Jamie Dimon, CEO do JP Morgan, disse que não acredita no projeto da criptomoeda Libra. Apesar de ser uma boa ideia, a instabilidade devido as limitações regulamentares tem impedido o sucesso do projeto.



Nessa sexta feira (18/10), em uma conferência sediada pelo Instituto de Finanças Internacionais em Washington que a Libra não deve entrar em funcionamento. O principal argumento utilizado é que a ideia apesar de boa não é única. Um ótimo exemplo disso é o próprio JP Morgan que está criando sua stablecoin, JP Coin, projeto que ainda está na fase inicial.

Além da dificuldade regulamentar, o Facebook ainda enfrenta os abandonos do projeto por empresas que inicialmente eram parceiras. Conforme noticiamos aqui no BeInCrypto, na semana passada Visa, Mastercard e Paypal deixaram o projeto. Nessa semana, foi ainda a vez do grupo responsável pela Booking.com.



Durante o painel em Washington, Dimon estava acompanhado de James Gorman, CEO do Morgan Stanley, discurtiram os projetos tecnológicos de suas empresas para o próximo ano. De acordo com Dimon, JP Morgan está investindo aproximadamente US $11 milhões somente em novas tecnologias, enquanto o Morgan Stanley investe US $4 milhões.

De certo modo, a discussão abriu espaço ainda para notícias breves sobre utilização de blockchain. Gorman comentou que estão preocupados com a transferência de informações dos clientes em nuvens, que podem ser hackeadas. Como alternativa (não citada), a blockchain é uma das principais concorrentes para substitui armazenamento em nuvem se alinhada com a inteligência artificial.

Já Dimon fez questão de ressaltar os problemas por trás das fintechs. Quando não possuem um sistema de segurança desenvolvido, podem facilmente serem hackeadas, complicando em vazamento de dados e inclusive saldos dos clientes.

De Volta Ao Problema da Libra

 

Por mais que seja um projeto audacioso e perspicaz, cada vez mais aumentam as desconfianças se o projeto sairá do papel no próximo ano, quicá em 2021. Com as saídas de importantes empresas de pagamentos do projeto, Zuckerberg terá que correr ainda mais rápido com as próprias pernas.

Ontem, o CEO do Facebook fez um discurso sobre liberdade de expressão. Vale ressaltar que as principais críticas em cima da rede social e da própria Libra é que não respeita a privacidade dos usuários. As diversas explicações que Mark vem dando no senado americano e diversas outras instituições regulamentadoras, não tem ajudado rápido desenvolvimento do projeto.

O presidente da Calibra continua afirmando que o projeto está em todo o vapor, e todos os esforços estão sendo feitos para que a Libra não gere a tão temida estabilidade econômica, que enfraqueceria o poder de controle inflacionário dos bancos centrais.

Você acredita que o projeto do Facebook vai ser lançado? Deixe nos comentários abaixo a sua opinião!

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
Share Article

Lucas é formado em administração com foco em empresas. Iniciou sua carreira como analista de investimentos para bancos focados no segmento. Após adquirir experiência, em 2015 fundou sua própria startup, focada em gerar tecnologias de segurança para transações financeiras. Concomitantemente, desenvolve seu trabalho e conhecimento financeiro atuando no BeInCrypto, através de análises do setor financeiro de criptomoedas e novas avaliações de novas tecnologias Blockchain pelo mundo.

SEGUIR O AUTOR

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá