China expande operação anti-cripto em nova província

Compartilhar Artigo
EM RESUMO
  • A província de Hebei, na China, é a mais nova a passar por grandes repressões contra a mineração de criptomoedas.

  • As autoridades locais trabalham com denúncias para fazer operações de mineração ilegais.

  • Esta é a ação mais recente na proibição da mineração de criptomoedas na China, que quer alcançar a neutralidade de carbono.

  • promo

    Lançamento de BIT: Ganhe até 3.500 BIT. Não perca esse bonde Entrar agora!

The Trust Project é um consórcio internacional de veículos de notícias que criam padrões de transparência.

O governo da China continua a trabalhar em direção a um futuro mais verde, barrando a mineração de criptomoedas no país.

Patrocinados



Patrocinados

De acordo com a Reuters, a comissão chinesa do ciberespaço na província de Hebei concordou em trabalhar com outras autoridades para quebrar quaisquer minas de criptomoedas que ainda operem na região. Este é o mais recente movimento da China em sua repressão à mineração de criptomoedas com o objetivo de ajudar o país a atingir a neutralidade de carbono.

Um comunicado da comissão disse que o departamento de educação, o departamento de segurança pública, o órgão regulador financeiro local e a administração de comunicações estarão todos envolvidos na repressão. Os departamentos terão até o final de setembro para verificar se seus sistemas de informação não estão suportando nenhum tipo de operação de mineração ou comercialização de criptomoedas.

Patrocinados



Patrocinados

Em um comunicado oficial, a comissão afirma que “a mineração de criptomoedas consome uma enorme quantidade de energia, o que vai contra a meta de ‘neutralidade de carbono’ da China”.

O governo prometeu intensificar a coleta de informações pertinentes de várias denúncias do público em geral. A partir de outubro, as autoridades irão monitorar regularmente o setor e aplicar penalidades severas àqueles que optarem por ignorar a proibição.

Repercussão da proibição

A proibição de mineração de criptomoedas na China resultou em uma migração significativa das operações do Oriente para o Ocidente. Com o tempo, ela pode chegar a um ponto em que a América do Norte se torne a capital mundial da mineração.

Apesar das proibições, algumas pessoas na China decidiram desafiar o destino e continuar operando suas fazendas. A província de Yunnan é uma área que continua com estas operações ilegais. A província já ordenou um bloqueio estrito sobre o uso de usinas hidrelétricas para mineração de criptomoedas. As estações foram proibidas de trabalhar com essas operações, enquanto as fazendas devem remover todas as máquinas de mineração da área.

O Gabinete do Governo Popular do Condado de Yingjiang também disse que todos os municípios e fazendas precisam ser supervisionados e reportar sobre o processo de desmontagem ao Departamento de Desenvolvimento e Reforma do Condado.

Devido ao abate em massa de mineradores de criptomoedas na China, as operações foram forçadas a buscar locais alternativos para continuar seu trabalho. Tanto os Estados Unidos quanto o Cazaquistão se tornaram destinos populares para esses mineiros deslocados. Ambos os países oferecem eletricidade barata e, por enquanto, têm leis favoráveis à relação à mineração de criptomoedas.

.

.

China

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
Patrocinados
Share Article

Matthew De Saro é jornalista e personalidade da mídia especializado em esportes, jogos de azar e estatísticas. Antes de ingressar no BeInCrypto, seu trabalho foi apresentado na Fansided, Forbes e OutKick. Com experiência em análise estatística e amor pela escrita, ele adota uma abordagem inovadora para relatar notícias.

SEGUIR O AUTOR

Sinais de mercado, estudos e análises! Entre hoje no nosso Telegram!

Entrar agora

A ICO da Bit2Me ACABA DE COMEÇAR! Compre o token B2M agora.

Comprar agora!

Lançamento de BIT. Ganhe até 3.500 BIT. Não perca esse bonde

Entrar agora