Compra Massiva de Títulos Leva Rendimentos Para Mínimas Históricas

Compartilhar Artigo

O rendimento do título do Tesouro Americano de 10 anos, a referência para as preocupações com taxas gerais, caiu para o nível mais baixo desde 1960. Se a taxa permanecer nos níveis atuais por mais de um mês, será o nível sustentado mais baixo em mais de 100 anos.



O declínio nos rendimentos foi precipitado, em grande parte, pelo surto de coronavírus e pela ansiedade dos investidores. No entanto, os rendimentos dos títulos caíram significativamente na última década – com julho de 2016 sendo a mínima anterior.

Medo e Rendimento

O rendimento do título – definido como o retorno que um investidor deve esperar mantendo o título até o vencimento – diminuiu devido ao medo. O medo no mercado faz com que os investidores cheguem a classes de ativos mais estáveis. Os títulos do Tesouro funcionam nessa capacidade.



Como os investidores compram títulos , sua disposição em obter retornos mais baixos para proteger seus fundos dimderruba o rendimento. Esse medo, quando sustentado ao longo do tempo, leva o retorno geral do Tesouro aos níveis atuais.

Títulos, Títulos Seguros

A atração por títulos do Tesouro e, principalmente, pelos títulos de 10 anos dos Estados Unidos, baseia-se na suposta estabilidade da economia dos EUA. Além disso, os investidores apostam na capacidade do governo dos EUA de pagar suas dívidas.

Por esse motivo, à medida que aumentam os temores sobre o surto de coronavírus e as ações supervalorizadas, os investidores compram títulos . Em resposta, o governo dos EUA reemitiu o Tesouro de 20 anos – um sinal de buscar investimentos crescentes.

Porto Seguro

A tempestade de coronavírus levou à compra de ativos de refúgio. Durante períodos de preocupação econômica, os investidores buscam esses ativos em busca de estabilidade. No entanto, o declínio recente em ouro, prata e Bitcoin deixou os analistas um pouco surpresos.

Alguns vêem essas classes de ativos, embora sejam refúgios seguros, como menos estáveis ​​que os títulos, devido à falta de apoio do governo. Sem apoio governamental, mesmo os ativos mais estáveis ​​são arriscados. Quando o mercado sente mais medo, o menor risco possível é o apetite.

Supondo que seja esse o caso, como o mercado continua se estabilizando após os temores da epidemia, esses ativos devem responder. Bitcoin, ouro e outros devem ver um aumento do interesse no curto prazo.

[jnews_block_28 second_title = “Leia mais” header_type = “header_5” number_post = “4” include_category = “4” boxed = “true” show_border = “true”]

Faça parte da nossa página de criptomoedas no Twitter. Assim ficará por dentro das últimas notícias sobre criptomoedas e blockchain acontecendo no Brasil e no mundo.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
Share Article

Com formação em ciências e redação, os dias de criptomania de Jon começaram em 2011, quando ele ouviu falar sobre o Bitcoin pela primeira vez. Desde então, ele tem aprendido, investido e escrito sobre criptomoedas e tecnologia blockchain para algumas das maiores publicações e ICOs do setor. Após uma breve passagem pela Índia, ele e sua família vivem no sul da Califórnia.

SEGUIR O AUTOR

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá