Consumo de vitamina C e álcool em gel acelera crescimento de plataforma de cashback de Bitcoin

Compartilhar Artigo
EM RESUMO
  • Consumo de produtos de farmácia acelara crescimento da BitcoinBack

  • Em nove meses, plataforma de cashback já contaliza R$ 5 milhões de pedido

  • Usuários podem fazer compras e receber Bitcoin de volta em mais de 300 lojas

  • promo

    Estamos compartilhando informação no nosso grupo de Telegram , siga-nos! E obtenha sinais de trading e análise de criptomoedas diariamente!

The Trust Project é um consórcio internacional de veículos de notícias que criam padrões de transparência.

A pandemia do coronavírus levou muitas empresas à falência. Outras, por outro lado, foram beneficiadas pela crise. A BitcoinBack, plataforma de cashbak de Bitcoin da exchange BitcoinTrade, foi uma delas.



O sistema, que devolve Bitcoin às pessoas que realizam compras em lojas parcerias da empresa, acumula movimentação de R$ 5 milhões em pedidos abertos.

Parte desse montante milionário, de acordo com a plataforma, é resultado do aumento do consumo de produtos de drogaria, a exemplo de álcool em gel e vitamina C.



Pedidos de drogaria aumentaram 110% a partir de março

Os pedidos de farmácias nas lojas parceiras aumentarem 110% desde março deste ano, de acordo com o sistema. Vale lembrar que foi naquele mês que o Brasil começou a adotar o isolamento social em algumas cidades e estados.

“No início da pandemia, vimos alguns parceiros serem afetados pela falta de consumo, mas logo que o isolamento se firmou e o boom pelos itens como álcool em gel e máscara aconteceu, a retomada das vendas veio de forma forte e constante, aumentando o quadro de clientes e quantidade de compras”, disse o CEO da BitcoinBack, Rodrigo Malta.

Além de remédios e vitaminas, o setor de produtos para escritório também colaborou com os números positivos da plataforma. De acordo com a empresa, as pessoas passaram a comprar mais fones de ouvidos, cadeiras e webcams. O motivo foi adoção do home office.

Empresa devolve até 35% de cashback

A BitconBack foi fundada no final de 2019 e já tem 15 mil pessoas cadastradas, informou a empresa.

São mais de 300 estabelecimentos comerciais parceiros da plataforma. Alguns exemplos são Lojas Americanas, Submarino, Netshoes, Carrefour, Kabum, Casas Bahia, Ponto Frio, Extra e outros.

Quando o público se cadastra no sistema e realiza compras nas lojas parcerias, tem direito de receber parte do valor gasto na compra em Bitcoin.

A BitcoinBack disponibiliza até 35% do valor em cashback e saque mínimo de R$25 em Bitcoin, para qualquer carteira virtual.

Como se cadastrar na BitcoinBack?

Para usar a BitcoinBack, basta entrar no site da empresa e fazer o cadastro. Após isso, é só instalar uma extensão da plataforma no navegador do Google Chrome. Por fim, o cliente deve entrar em alguma loja parceria e realizar a compra. O tutorial completo pode ser visto neste vídeo.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
Share Article

TÓPICOS RELACIONADOS

Jornalista desde 2010. Já colaborei para diversos veículos, como Gazeta do Povo, Agência Estadual de Notícias (AEN) e Paraná Portal. Escrevo regularmente para o UOL e para outros portais especializados em criptoeconomia. Tive meu primeiro contato com o mercado de criptomoedas em meados de 2019, quando comecei a cobrir casos de golpes financeiros. No BeInCrypto, produzo e edito textos.

SEGUIR O AUTOR

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá