Embrapa vai usar blockchain para rastrear produção agrícola no Brasil

Compartilhar Artigo
EM RESUMO
  • Embrapa selou acordo de cooperação técnica com empresa de blockchain no Brasil

  • Objetivo é criar sistema de rastreamento utilizando a tecnologia

  • Iniciativa se soma a diversas outras em curso no governo federal e nos estados

  • promo

    Estamos compartilhando informação no nosso grupo de Telegram , siga-nos! E obtenha sinais de trading e análise de criptomoedas diariamente!

The Trust Project é um consórcio internacional de veículos de notícias que criam padrões de transparência.

A Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) selou um acordo para criar um sistema de rastreamento de produção via blockchain. A novidade foi divulgada em publicação no Diário Oficial da União nesta quarta-feira (4).



O novo acordo entra no rol de iniciativas em andamento para adoção de blockchain em diversos âmbitos da administração pública brasileira.

O BNDES e o Ministério da Justiça, por exemplo, já aventaram o uso de uma criptomoeda interna para compras públicas. Uma gerente do Banco chegou a dizer, por exemplo, que a blockchain teria papel de resgatar a confiança no governo.



Outras iniciativas lideradas pelo Brasil incluem uso de blockchain na telemedicina, atividade alfandegária e negociações comerciais com outros países. No futuro, é possível que a tecnologia também seja usada de alguma maneira no sistema previdenciário.

Além disso, nos estados, destaca-se uma tecnologia para monitoramento de obras no Ceará, licitações na Bahia e precatórios no Paraná.

Embrapa quer usar blockcain para rastrear produção de cana-de-açúcar

A Embrapa planeja utilizar blockchain para monitorar produtos e processos atinentes à cadeia de produção da cana-de-açúcar no país. As conversas para implementação do sistema se estendem pelo menos desde fevereiro de 2020.

Dessa maneira, agora a iniciativa se concretiza mediante acordo de cooperação técnica entre a empresa pública e a companhia Safe Trace, especializada no setor blockchain.

[Objetivo do acordo é ] integração de esforços entre as Partes para a execução de trabalhos de pesquisa, desenvolvimento, de interesse mútuo, consistente na execução de atividades para a concepção e desenvolvimento de um sistema de rastreabilidade, utilizando tecnologia blockchain, para produtos e processos agroindustriais da cadeia produtiva da cana-de-açúcar.

Essa não é a primeira vez que a Embrapa utiliza blockchain para rastrear produção agrícola de cana-de-alúcar. Em 2019, a empresa e a Cooperativa dos Plantadores de Cana do Estado de São Paulo (Coplacana) firmaram acordo similar.

Share Article

TÓPICOS RELACIONADOS

Sou jornalista e especialista, pela USP-SP, em Comunicação Digital. Já trabalhei em rádio e impresso, mas boa parte da minha experiência vem do online. Desde 2013, colaboro regularmente com o Grupo Globo na área de tecnologia, onde já cobri assuntos diversos da área, de lançamentos de produtos aos principais ataques hackers dos últimos anos. Também já prestei consultoria em projetos do Banco Mundial e da ONU, entre outras instituições com foco em pesquisa científica. Entrei no mundo das criptomoedas principalmente na cobertura de ataques cibernéticos e golpes no Brasil. Atualmente, faço mestrado em Comunicação Científica na Universidade de Granada, na Espanha. Escrevo para o BeInCrypto desde abril de 2020.

SEGUIR O AUTOR

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá