Goldman Sachs oferecerá teleconferência para discutir Bitcoin

Compartilhar Artigo
EM RESUMO
  • O Goldman Sachs sediará uma teleconferência sobre inflação, ouro e Bitcoin.

  • O call é liderado por dois membros da equipe do Goldman Sachs, além de um professor de economia de Harvard.

  •   O foco no Bitcoin representa uma mudança radical para a empresa.

  • promo

    Estamos compartilhando informação no nosso grupo de Telegram , siga-nos! E obtenha sinais de trading e análise de criptomoedas diariamente!

The Trust Project é um consórcio internacional de veículos de notícias que criam padrões de transparência.

O grupo de estratégia de investimento da Goldman Sachs convidou clientes para uma teleconferência sobre tendências financeiras. [Forbes] A call se concentrará em Bitcoin – um ativo que o banco de investimento havia  até agora rejeitado.



A teleconferência está marcada para dia 27 de maio e incluirá Sharmin Mossavar-Rhami e Jan Hatzius, especialistas em investimentos e economia da empresas. Além disso, Jason Furman, da Harvard Kennedy Business School, participará da chamada.

O título da chamada é “Perspectivas Econômicas dos EUA e implicações das políticas atuais de inflação, ouro e Bitcoin”. O impacto inflacionário das políticas recentes de impressão de dinheiro do Federal Reserve aparentemente será abordado.



Mudançaspor vir?

A atenção no Bitcoin representa uma mudança radical para a empresa. Em 2018, Mossavar-Rhami notoriamente disse que o Bitcoin não tinha valor, declarando na época:

Esperamos novas quedas no futuro, considerando que essas criptomoedas não cumprem nenhum dos três papeis tradicionais de uma moeda.

A previsão naquele momento era precisa, pois o preço do Bitcoin continuou a cair até 2018. No entanto, a empresa começou a mudar de tom no início de 2019.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
Share Article

Com formação em ciências e redação, os dias de criptomania de Jon começaram em 2011, quando ele ouviu falar sobre o Bitcoin pela primeira vez. Desde então, ele tem aprendido, investido e escrito sobre criptomoedas e tecnologia blockchain para algumas das maiores publicações e ICOs do setor. Após uma breve passagem pela Índia, ele e sua família vivem no sul da Califórnia.

SEGUIR O AUTOR

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá