Golpe do leilão falso: site usa blockchain para saber se leiloeiro é verdadeiro

Compartilhar Artigo
EM RESUMO
  • Site lista leiloeiros e casas de leilão legalizadas e autentica informações na blockchain.

  • Ideia é coibir golpes de leilão que vêm se tornando comuns no país.

  • Fraudes se aproveitam de desconhecimento sobre leilões online.

  • promo

    Estamos compartilhando informação no nosso grupo de Telegram , siga-nos! E obtenha sinais de trading e análise de criptomoedas diariamente!

The Trust Project é um consórcio internacional de veículos de notícias que criam padrões de transparência.

Site lista leiloeiros e casa de leilão online legalizadas e autentica informações na blockchain para coibir golpes que aproveitam de desconhecimento da população e vêm se tornando comuns no país.



Uma rede social criada por brasileiros usa blockchain para combater o golpe do falso leilão. Esse tipo de fraude vem crescendo no país. A tecnologia do bitcoin, dessa forma, surge como alternativa para evitar que haja novas vítimas. 

O golpe consiste em criar um site que tenta se passar por uma plataforma credenciada de leilões. A modalidade de compra ganhou tração durante a crise. Os motivos passam, entre outras coisas, pelo aumento de confiscos para cobrir dívidas não pagas.



Ao mesmo tempo, a digitalização vinda com a pandemia abriu espaço para golpistas. Eles se aproveitam principalmente da falta de experiência dos consumidores para atacar. Segundo a Associação Brasileira dos Leiloeiros e Entidades (Asbrale), existem mais de 997 sites falsos ou clonados de leilões.

Há cerca de duas semanas, por exemplo, um homem de 38 anos deu R$ 20 mil de entrada para a suposta compra de um carro antes de descobrir que havia sido vítima de uma fraude. O pagamento foi feito pelo Pix e, portanto, não poderia ser estornado.

Site de consulta de leilão e leiloeiro online usa blockchain para melhorar confiança nos dados

Site usa blockchain para checar identidade de leiloeiros

O site Os Leiloeiros (www.osleiloeiros.com.br) utiliza tecnologia desenvolvida pela Bom Valor, especializada em soluções blockchain. Ao portal TI Inside, o fundador da companhia, Ronaldo Santoro, explicou que o cenário de golpes virtuais foi o que motivou a proposta.

Os sites de leilões clonados e fakes hoje são uma realidade e este cenário só tem piorado, e o número de pessoas enganadas é alto e maior ainda são as suas perdas financeiras, por isso criamos e desenvolvemos este serviço digital.

No Leiloeiros, o usuário tem acesso a uma espécie de registro de todos os leiloeiros devidamente regularizados no país. É possível consultar os dados do profissional ou da casa de leilões e se certificar de que não se trata de golpe. 

Além disso, os dados e as informações têm autenticidade e confiabilidade garantidas por meio de tecnologia de identidade digital da Original My, especialista no segmento.

Share Article

TÓPICOS RELACIONADOS

Sou jornalista e especialista, pela USP-SP, em Comunicação Digital. Já trabalhei em rádio e impresso, mas boa parte da minha experiência vem do online. Desde 2013, colaboro regularmente com o Grupo Globo na área de tecnologia, onde já cobri assuntos diversos da área, de lançamentos de produtos aos principais ataques hackers dos últimos anos. Também já prestei consultoria em projetos do Banco Mundial e da ONU, entre outras instituições com foco em pesquisa científica. Entrei no mundo das criptomoedas principalmente na cobertura de ataques cibernéticos e golpes no Brasil. Atualmente, faço mestrado em Comunicação Científica na Universidade de Granada, na Espanha. Escrevo para o BeInCrypto desde abril de 2020.

SEGUIR O AUTOR

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá