Ibovespa entra no feriado em queda de 1,18%, dólar sobe e BTC se mantém em US$ 59 mil

Compartilhar Artigo
EM RESUMO
  • O Ibovespa encerrou o pregão pré-feriado em queda de 1,18%.

  • Depois de se manter em queda na quarta-feira, o dólar voltou a subir mais de 1% nesta quinta.

  • Bitcoin consolida ganhos na semana e se mantém em US$ 59 mil.

  • promo

    Estamos compartilhando informação no nosso grupo de Telegram , siga-nos! E obtenha sinais de trading e análise de criptomoedas diariamente!

The Trust Project é um consórcio internacional de veículos de notícias que criam padrões de transparência.

O Ibovespa encerrou o pregão pré-feriado em queda de 1,18% enquanto o dólar voltou a subir frente ao real, valendo agora R$ 5,71. Apesar da volatilidade, bitcoin  conseguiu segurar o preço acima de US$ 59 mil.



O principal índice da bolsa brasileiro encerrou a semana no vermelho. Ao cair 1,18%, o Ibovespa registrou 115.253 pontos nesta quinta-feira (1).

As quedas das ações refletem o atual cenário de incerteza econômica que entra o Brasil neste mês de abril. À medida que a covid-19 segue registrando recordes de infectados em todo território brasileiro, a queda da produção industrial também diminui o otimismo entre os investidores.



Neste ritmo, o dólar voltou a subir frente ao real e fechou ao fim do dia em alta de 1,52%, cotado a R$ 5,71. O número vem depois de um de baixa já que na quarta-feira o dólar era negociado a R$ 5,62.

Bitcoin mantém preço acima de US$ 59 mil

Já o bitcoin terminou o dia com um leve crescimento de 0.17%, valendo US$59.087. Dessa forma, a criptomoeda terminou o mês de março tendo uma semana muito melhor do que a anterior.

Depois de quase negociar abaixo de US$ 51 mil no dia 26 de março, o preço do BTC saltou para US$ 56 mil no dia seguinte, e ficou cotado acima desse nível pelo resto do fim de semana.

No dia 29 de março, o bitcoin voltou a subir para US$ 58 mil e mesmo registrando quedas no decorrer dos dias, o seu preço quase atingiu US$ 60 mil. Agora, o bitcoin está lutando contra a resistência, mas se mostra forte no nível de US$ 59 mil.

Notícias que surgiram ao longo da semana vindas do PayPal e da Visa que passaram a integrar as criptomoedas aos seus serviços, provavelmente ajudaram a aumentar o preço do bitcoin. 

O analista sênior de mercado da Oanda, Edward Moya, chamou a mudança de “outro endosso maciço das criptomoedas por Wall Street” e “mais uma prova de aceitação popular”. Moya observou que o bitcoin luta contra a resistência de US$ 60 mil, mas que os desenvolvimentos recentes “devem ser suficientes para manter forte a tendência de alta”.

Ouro em queda

O ouro esteve em um passeio de montanha-russa na semana passada. Depois de se manter entre US$ 1.720 e US$ 1.748 durante a maior parte da semana, ele continuou o movimento durante o fim de semana.

No entanto, na tarde do dia 29 de março, o preço despencou para US$ 1.712, valor em que foi negociado pelo resto do dia. Já no dia seguinte, o metal precioso despencou ainda mais, caindo abaixo de US$ 1.680, valor que manteve até o dia 31 de março.

Apesar disso, o ouro reverteu a queda e voltou a subir ao longo desta quinta-feira. Atualmente, o seu preço está em torno de US $ 1.728.

Fonte: TradingView

Existem inúmeras razões para as oscilações vistas no ouro nesta semana. Ravindra Rao, vice-presidente de pesquisa de commodities da Kotak Securities, disse:

“Pesando contra o preço do ouro está o otimismo econômico dos EUA, o progresso da vacina, rendimentos mais altos e a falta de compra de ETF.”

Ele também acrescentou:

“Apoiando o ouro está o recuo do índice do dólar dos EUA de altas recentes, dados econômicos mistos dos EUA, aumento dos casos de vírus e postura reservada do banco central.”

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
Share Article

TÓPICOS RELACIONADOS

A opinião da equipe BeInCrypto em uma única voz.

SEGUIR O AUTOR

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá