Investidor Alega que o BitcoinTrade Zerou sua Conta com Saldo em Bitcoin

Compartilhar Artigo
EM RESUMO
  • Justiça entende que perito deverá ser contratado para analisar o que aconteceu com conta de cliente.

  • promo

    Estamos compartilhando informação no nosso grupo de Telegram , siga-nos! E obtenha sinais de trading e análise de criptomoedas diariamente!

The Trust Project é um consórcio internacional de veículos de notícias que criam padrões de transparência.

Um cliente do BitcoinTrade alega que a exchange zerou seu saldo em Bitcoin. O processo judicial sobre o caso suscita que a corretora de criptomoedas é responsável por “limpar” o saldo que o investidor possuía. No entanto, a justiça entendeu que somente uma perícia deverá identificar se realmente houve a retenção de Bitcoin por parte da BitcoinTrade.



A publicação da Justiça do Rio de Janeiro mostra que um cliente acusa o BitcoinTrade de ter zerado sua conta com Bitcoin. Ou seja, o saldo que ali possuía deixou de existir após uma suposta intervenção da exchange brasileira. Porém, é cedo para afirmar que realmente o bloqueio de Bitcoin aconteceu.

BitcoinTrade pode ser inocentada de bloqueio de Bitcoin

A acusação de bloqueio de criptomoedas é algo grave que precisa ser melhor analisado. Pelo menos este parece ser o entendimento da justiça publicado nesta terça-feira (17).



As informações do processo sugerem que a BitcoinTrade possui culpa em relação ao possível saldo do investidor fluminense. Segundo consta na ação o usuário teve saldo de Bitcoin zerado pela corretora de criptomoedas.

“Sentença do réu, no tocante ao saldo zerado da conta de bitcoins do autor, notadamente acerca da destinação das bitcoins adquiridas.”

Para provar saldo zerado é preciso perícia técnica

Antes de ser condenada como culpada pela conta de Bitcoin zerada, uma perícia técnica deve direcionar os próximos desdobramentos do caso. Portanto, será mediante a consulta de dados sobre as movimentações do cliente da BitcoinTrade que a justiça apresentará uma decisão sobre o caso.

Sendo assim, ainda não foi determinado a culpa da BitcoinTrade em relação ao saldo de Bitcoin zerado do cliente. O juiz da comarca de Barra do Piraí – RJ responsável pela decisão cita a necessidade de melhor averiguação sobre o caso:

“Assim o esclarecimento somente pode ser feito, com segurança jurídica, por meio de realização de prova técnica complexa, qual seja perícia especializada de informática, a fim de averiguar-se eventual fraude na captura do saldo de criptomoedas do autor.”

Para que tal avaliação de informações aconteça, a justiça concederá a “nomeação de um perito”, responsável por analisar os dados sobre a conta do cliente do BitcoinTrade.

O processo judicial em questão corre em segredo de justiça e poucas informações estão disponíveis de forma pública. Desse modo, sem provas substanciais do saldo de Bitcoin que supostamente sumiu, a justiça julgou o caso como improcedente.

Atualização: A exchange BitcoinTrade informa que o cliente em questão foi vítima de um golpe de phishing. Dessa forma, o usuário entrou em um site que não pertencia ao endereço original da corretora de criptomoedas. Sendo assim, a BitcoinTrade esclarece que não pode ser culpabilizada pela conta de Bitcoin zerada.

A BitcoinTrade está ciente do ocorrido e colabora com as investigações para resolução do caso, mas não comenta a ação que corre em segredo de justiça. A empresa reforça seu compromisso de segurança e transparência com seus mais de 300 mil clientes. A startup é ainda a primeira corretora de criptomoedas do Brasil a possuir importantes certificações internacionais relacionadas à proteção da privacidade dos usuários e da confidencialidade dos dados de pagamento. Além disso, também possui um programa sobre segurança da informação, enviando periodicamente e-mails com alertas e dicas de segurança para todos os clientes.”

O que você acha sobre o processo do cliente do BitcoinTrade que alega ter tido uma conta de Bitcoin zerada pela exchange brasileira? Comente sobre a notícia e compartilhe no Twitter.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
Share Article

Jornalista apaixonado pelo universo das criptomoedas e seu enorme impacto na sociedade. Conheceu o Bitcoin em 2013 sem saber que a criptomoeda tomaria conta de sua vida anos mais tarde. Já trabalhou em outros portais de notícias sobre criptomoedas, sendo que atualmente é um dos colaboradores do BeInCrypto.

SEGUIR O AUTOR

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá