Itaú é criticado nas redes por devorar doação em Euros para Luisa Mell

Compartilhar Artigo
EM RESUMO
  • Luisa Mell, que é uma conhecida ativista da causa animal, recebeu €50 de doações

  • Porém, Itaú cobrou taxa de 300 Reais pela transação, deixando a Luísa "devendo" ao Banco

  • Mesma transação em Bitcoin teria taxa "simbólica"

  • promo

    Estamos compartilhando informação no nosso grupo de Telegram , siga-nos! E obtenha sinais de trading e análise de criptomoedas diariamente!

The Trust Project é um consórcio internacional de veículos de notícias que criam padrões de transparência.

Itaú é criticado nas redes por devorar doação em Euros para causa animal. Após receber a doação, Luisa Mell ainda ficou “devendo” R$ 16,00 para o Itaú. Transação mostra o absurdo funcionamento do sistema bancário tradicional. Nesse caso, uma transação em Bitcoin custaria um valor simbólico em taxas.



Luisa Mell é a mais conhecida ativista brasileira na causa da proteção aos animais.

Assim, ela recebe diversas doações direcionadas para o Instituto Luisa Mell, que resgata animais feridos ou em situação de risco.



Porém, recentemente, uma doação vinda da Europa, de € 50,00 (R$ 298,60 na cotação atual), foi alvo de revolta por parte dos apoiadores da causa animal.

Isso porque a doação, recebida pelo Banco Itaú, foi taxada em R$ 300,00, que é mais do que o próprio valor do dinheiro doado.

Lembre-se: através do Canal do Telegram da BeInCrypto, você tem acesso aos melhores sinais de trade de maneira gratuita!

Itaú criticado por devorar doação em Euros

Conforme é possível ver no Instagram, a Luisa Mell denuncia a taxação abusiva aplicada pelo Banco Itaú na transação.

Além da tarifa aplicada de R$ 300,00, o câmbio aplicado na transferência resultou num montante de apenas R$ 284,00. Desse modo, o Instituto Luisa Mell ainda ficou devendo R$ 16,00 para o Itaú!

Após a comoção pública com o caso e a denúncia de diversas “personalidades”, o Banco estornou o valor da tarifa.

Porém, fica a pergunta: caso isso acontecesse com uma pessoa “comum”, será que o Banco realizaria o estorno da tarifa? É difícil acreditar que sim.

Transação em Bitcoin sairia quase de graça

O atraso do sistema financeiro brasileiro não é novidade.

Inclusive, o BeInCrypto já apurou o descaso da Caixa com o pagamento do coronavoucher em uma matéria recente.

De todo modo, a simulação de uma transação semelhante em BTC não deixa dúvidas em relação a qual sistema escolher.

Atualmente, a taxa média de transação do BTC é de aproximadamente U$ 1,17 (R$ 6,21). Assim, a transação da quantia doada em Euros sairia quase de graça, na comparação com a transferência tradicional.

Vale ressaltar que, no caso de uma transação em BTC, a taxa de conversão também não seria tão desfavorável quanto aquela aplicada pelo Banco. O Itaú converteu o Euro em R$ 5,68, sendo que a cotação atual gira em torno de R$ 5,93.

Finalmente, é nítido que a cobrança de R$ 300 de taxa em uma doação de € 50 é absurda. Por esse motivo, a adoção das criptomoedas pelas pessoas comuns irá continuar crescendo.

Assim, num mundo em que as criptomoedas e as fintechs estão dominando o setor financeiro, os Bancos tradicionais terão dificuldades em se manter, da maneira como o fazem atualmente.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
Share Article

Nicolas se formou em Direito pela Universidade Federal do Paraná e é pós-graduado em Gestão de Negócios Internacionais. Atualmente, cursa Jornalismo na FAPCOM. Escreve sobre economia, política e história há alguns anos. Em 2017, após entrar em contato com a tecnologia blockchain, se entusiasmou com o seu potencial e passou a estudar as aplicações da tecnologia aos diversos setores da economia. Seu foco está em discutir as melhores maneiras de alavancar o desenvolvimento nacional através do uso do blockchain e das criptomoedas.

SEGUIR O AUTOR

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá