MicroStrategy registra perdas em balanço financeiro após queda do Bitcoin

Compartilhar Artigo
EM RESUMO
  • A MicroStrategy publicou seus resultados financeiros para o segundo trimestre de 2021.

  • As quedas no preço da criptomoeda impactaram negativamente as finanças da MicroStrategy.

  • A companhia irá continuar a investir em Bitcoin.

  • promo

    BIT: 8 milhões de BITs em prêmios. Três rodadas; Montanhas de prêmios. Entrar agora!

The Trust Project é um consórcio internacional de veículos de notícias que criam padrões de transparência.

Os resultados financeiros do segundo trimestre da MicroStrategy mostram perdas em seus investimentos em Bitcoin (BTC), mas a empresa pretende continuar a acumular unidades do ativo.

Patrocinados



Patrocinados

A empresa de inteligência em negócios MicroStrategy publicou seus resultados financeiros do segundo trimestre de 2021, registrando um aumento de receita de 13%. A empresa, no entanto, teve algumas perdas em suas participações em Bitcoin, causadas pela queda do preço do ativo no segundo trimestre. A companhia, que cresceu aos olhos do público por suas grandes aquisições da criptomoeda, teve ações desvalorizadas 3,35% nesta sexta-feira (30).

As participações totais da MicroStrategy na moeda chegam a 105.085 BTC, o que vale mais de US$ 4 bilhões atualmente. O CEO da companhia, Michael Saylor, que se tornou um defensor ferrenho da criptomoeda desde a incursão da empresa no mercado cripto, disse que a empresa estava satisfeita com os resultados da sua estratégia em ativos digitais.  

Patrocinados



Patrocinados

A base de custo do ativo digital foi de US$ 2,741 bilhões, a um preço de aproximadamente US$ 26.080, em oposição ao valor de mercado que foi de US$ 3,653 bilhões a um preço de US$ 34.763,47. O Bitcoin tem passado por grandes oscilações desde que a MicroStrategy começou a investir em agosto de 2020. O valor da participação da empresa oscilou fortemente, passando por quedas profundas no mercado.

Mas as quedas nos últimos meses não irão impedir a MicroStrategy de adquirir mais Bitcoin. A empresa disse que continuará acumulando criptomoedas. A companhia enxerga a aquisição e participação em BTC como uma parte importante de sua estratégia corporativa, acreditando que o ativo atua como uma reserva de valor confiável.

MicroStrategy ainda apoia o Bitcoin

A MicroStrategy comprou mais Bitcoins em junho deste ano, adicionando mais de 13.000 BTC às suas reservas. A empresa chegou ao ponto de vender US$ 1 bilhão em ações para adquirir o ativo, mostrando o seu grau de confiança na moeda.

Os constantes investimentos em Bitcoin atraíram atenção para a MicroStrategy, com Michael Saylor sendo o rosto desta estratégia. O CEO em várias ocasiões elogiou a importância da criptomoeda, dizendo que o ativo iria “devorar o ouro” logo após o primeiro investimento da empresa ser realizado.

Saylor também desempenha um papel importante no Conselho de Mineração de Bitcoin, que ele sediou em maio deste ano. A organização foi capaz de fazer os mineradores concordarem em promover o uso de energias sustentáveis para desempenhar as suas atividades.

Caso o Bitcoin se torne o ouro digital como muitos afirmam, isso poderia gerar grandes lucros para a empresa.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
Patrocinados
Share Article

Rahul Nambiampurath é um trader da Índia que foi atraído pelo Bitcoin e pela blockchain em 2014. Desde então, ele é um membro ativo da comunidade. Ele tem mestrado em finanças.

SEGUIR O AUTOR

Sinais de mercado, estudos e análises! Entre hoje no nosso Telegram!

Entrar agora

A ICO da Bit2Me ACABA DE COMEÇAR! Compre o token B2M agora.

Comprar agora!

Lançamento de BIT. Ganhe até 3.500 BIT. Não perca esse bonde

Entrar agora