Mulher Investe R$ 60 mil em Negócio de Bitcoin Que Não Paga Desde 2019

Compartilhar Artigo
EM RESUMO
  • Cliente tenta na justiça bloquear bens da empresa que suspendeu pagamentos desde outubro.

  • promo

    Estamos compartilhando informação no nosso grupo de Telegram , siga-nos! E obtenha sinais de trading e análise de criptomoedas diariamente!

The Trust Project é um consórcio internacional de veículos de notícias que criam padrões de transparência.

Uma investidora de Bitcoin espera para receber quase R$ 60 mil de uma plataforma de rendimentos diários. O negócio está com saques em atraso desde 2019 e na justiça a cliente da BWA tenta bloquear bens em nome da empresa.



Clientes da BWA foram atraídos com a promessa de retorno em investimentos com bitcoin. Através da plataforma que operava a partir de Santos -SP, centenas de clientes apostaram seu saldo no esquema que está com saques em atraso.

Sem poder sacar rendimentos desde o final de 2019, alguns investidores da BWA procuram a justiça em busca de reaver suas criptomoedas. No caso da cliente com quase R$ 60 mil, a justiça decidiu por não bloquear os bens da plataforma de investimentos em bitcoin.



Quase R$ 60 mil em Bitcoin que não serão bloqueados

Para a investidora de Santos – SP, a espera pelo pagamento da dívida será ainda maior. A comarca da justiça daquela cidade entendeu que não há necessidade de uma tutela de urgência para o arresto de bens em nome da BWA.

Pelo menos este é o entendimento até então, após a investidora tentar bloquear bens do esquema. Os autos do processo mostram que foram investidos R$ 59 mil no negócio que operava a compra e venda de criptomoedas.

Deixou de pagar rendimentos

A mulher ainda conta à justiça que entrou na empresa de bitcoin ainda em julho de 2019. Nos primeiros meses ela não teve dificuldades para pedir o saques dos seus rendimentos na plataforma.

Em três meses ela colocou quase R$ 60 mil na empresa que oferecia 3% ao mês de lucro. Durante este tempo a cliente da BWA estava recebendo normalmente, conforme ela mostra no processo. Já em outubro os problemas com saques começaram a preocupar os investidores.

“A autora alega que entre julho e setembro de 2019 investiu R$ 59.000,00, com a promessa de rendimentos mensais. Nos meses de outubro e novembro não foram pagos os rendimentos.”

Empresa alega ter bitcoin na NegocieCoins

Mais de três meses com saques em atraso, a BWA tentou se defender das acusações. A empresa disse inicialmente que tinha bitcoin retido na exchange NegocieCoins.

Desde o final de maio de 2019 os clientes da NegocieCoins enfrentam dificuldades com saques. Parece que um desses usuários era a própria BWA. No entanto, a corretora de criptomoedas brasileira já se pronuniou sobre o caso.

A NegocieCoins declarou que possui quase R$ 6 milhões em Bitcoin que pertencem a BWA. A exchange chegou a ser acusada pelo atraso da empresa que é processada por uma cliente com uma dívida de R$ 59 mil em bitcoin.

No caso da cliente que vive na cidade sede da companhia processada, a justiça declarou que não existe “indícios de dilapidação de patrimônio”.

Existem imóveis em nome de sócios da BWA registrados no Brasil, o que contesta o pedido de arresto de bens. A mulher que investiu no esquema pode recorrer da decisão judicial. A dívida em questão corresponde a 1,61 unidade de Bitcoin (BTC) considerando a cotação atual para a moeda digital.

O que você pensa sobre o pedido de bloqueio de bens para pagar uma dívida de bitcoin? Comente sobre o artigo e compartilhe no Facebook.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
Share Article

TÓPICOS RELACIONADOS

Jornalista apaixonado pelo universo das criptomoedas e seu enorme impacto na sociedade. Conheceu o Bitcoin em 2013 sem saber que a criptomoeda tomaria conta de sua vida anos mais tarde. Já trabalhou em outros portais de notícias sobre criptomoedas, sendo que atualmente é um dos colaboradores do BeInCrypto.

SEGUIR O AUTOR

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá