O Próximo Halving do Bitcoin Pode Ser um ‘Não Evento’ em Comparação com 2016?

Compartilhar Artigo
EM RESUMO
  • As más condições do mercado podem fazer do próximo Halving do Bitcoin um total 'não-evento'.

  • Apesar do movimento positivo dos preços no mês passado, os preços do Bitcoin ainda estão abaixo da faixa de 2019.

  • Pesquisas de mídia social para 'Bitcoin Halving' estão em alta.

  • promo

    Estamos compartilhando informação no nosso grupo de Telegram , siga-nos! E obtenha sinais de trading e análise de criptomoedas diariamente!

The Trust Project é um consórcio internacional de veículos de notícias que criam padrões de transparência.

Faltando menos de três semanas para a próxima antecipada queda do Bitcoin, os mercados de ativos cripto ainda estão em um estado enfraquecido, levando os analistas a sugerir que poderia ser um total ‘não-evento’.



Os preços do Bitcoin subiram para outra alta semanal ao longo desta semana, mas os mercados ainda permanecem em baixa, já que os analistas técnicos ainda estão apresentando uma tendência de baixa em prazos mais longos.

Halving do Bitcoin Chegando

Modelos de previsão de preço, como stock-to-flow  e gráficos logarítmicos funcionam todos com o comportamento anterior do mercado para prever a direção futura. O Bitcoin reveteve Halving anteriormente em 2012 e 2016 e experimentou grandes altas nos anos seguintes.



Desta vez, a perspectiva econômica global é muito diferente, especialmente com uma pandemia viral causando colapso industrial e um pesadelo no mercado financeiro. Fundos Cripto  não foram poupados e o Bitcoin não provou ser o refúgio seguro que muitos supuseram, colapsando 50% no mês passado.

Pesquisadores do Messari estão analisando ações anteriores do mercado para comparar com o estado atual das coisas – e suas conclusões não são bonitas . O pesquisador Ryan Watkins twittou:

“O desempenho passado não é indicativo de resultados futuros.
Estamos em um ambiente completamente diferente agora em relação a 2016.
Mas, para todos os que estão aguardando o Halving, não se surpreenda se for um não evento. ” [traduzido]

Com apenas 18 dias para o início, os preços ainda estão abaixo do intervalo em que o Bitcoin negociava durante a maior parte de 2019. O Índice de Força Relativa semanal também mostra o Bitcoin atualmente operando no meio do caminho.

Watkins acrescentou que o momento do Halving da última vez foi apoiado por Ethereum e o boom da OIC, que ajudou o BTC a subir de três para cinco dígitos somente naquele ano.

Pesquisas de Mídia Social em Ascensão

Os comerciantes e investidores na China costumam ser o catalisador para impulsionar os mercados, e as coisas podem estar começando a mostrar-se promissoras nessa região. As tendências de pesquisa indicam que as pessoas estão procurando informações e notícias sobre ‘Bitcoin Halving’ em números recordes.

De acordo com um analista, a mídia social chinesa está vendo um pico nas pesquisas sobre o Halving.

“Bitcoin viralizando no ‘Twitter chinês’. O tópico “Bitcoin Halving” foi o sexto mais pesquisado nas últimas 24 horas “, [traduzido]

A empresa de análise de sentimento social de criptomoedas TheTIE também publicou números indicando que atividade do Twitter sobre o Halving também aumentou.

“58% dos tweets que mencionam ouro e BTC são positivos, 63% na metade são positivos” [traduzido]

A pesquisa e o tweeting podem ser um indicador positivo, mas existe uma forte probabilidade de que COVID-19 e seus efeitos devastadores da economia abafaram grande parte do FOMO para o Halving do Bitcoin este ano.

Para manter-se informado, tendo a sua disposição conteúdo constante e de qualidade, não deixe de acompanhar nosso site. Aproveite e faça parte da nossa página de criptomoedas no Twitter.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
Share Article

Lucas é formado em administração com foco em empresas. Iniciou sua carreira como analista de investimentos para bancos focados no segmento. Após adquirir experiência, em 2015 fundou sua própria startup, focada em gerar tecnologias de segurança para transações financeiras. Concomitantemente, desenvolve seu trabalho e conhecimento financeiro atuando no BeInCrypto, através de análises do setor financeiro de criptomoedas e novas avaliações de novas tecnologias Blockchain pelo mundo.

SEGUIR O AUTOR

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá