Para Diminuir Crise do Coronavírus, Passaporte de Imunidade com Tecnologia Blockchain é Lançado

Compartilhar Artigo
EM RESUMO
  • Passaporte de Imunidade utiliza tecnologia blockchhain para reistrar indivíduos imunes ao coronavírus

  • Outras iniciativas estão sendo lançadas no mundo

  • Paulo Guedes já tinha falado que queria criar um passaporte para liberar imunizados para voltar a trabalhar

  • promo

    Estamos compartilhando informação no nosso grupo de Telegram , siga-nos! E obtenha sinais de trading e análise de criptomoedas diariamente!

The Trust Project é um consórcio internacional de veículos de notícias que criam padrões de transparência.

Em meio a várias notícias sobre governos utilizando dados sensíveis do usuário ou dados telefônicos para monitorar a movimentação social, a startup brasileira Privacytools anunciou hoje que irá lançar a sua nova plataforma, o Passaporte de Imunidade.



O Passaporte de Imunidade busca levar mais segurança às empresas, ele está em conformidade com a LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais) e oferece através de certificação digital e registro em blockchain a comprovação de imunidade pessoal, que poderá ser verificada em qualquer lugar do mundo sem expor os dados pessoais e muito menos dados sensíveis do indivíduo.

Outras ferramentas para combater o coronavírus já estão sendo criadas, o Google em parceria com a Apple estão desenvolvendo um sistema para monitorar pessoas que foram infectadas ou que podem ser potencialmente infectadas.



Esse sistema permite que as autoridades acionem um alerta a todos os usuários de que se aproximaram do doente nos próximos dias, direcionando-os a procurar profissionais de saúde e tomar precauções.

O sistema será integrado ao Google Play Services, mas o usuário terá que ativar o sistema nas configurações do aparelho celular. Já no Passaporte de Imunidade, a empresa, através do DPO (encarregado pelos dados pessoais) poderá verificar o resultado do exame do paciente para que ele possa retornar às suas atividades profissionais.

Como funciona o Passaporte de Imunidade

O Passaporte de Imunidade é uma solução em forma de plataforma que deverá ser utilizada para o registro de indivíduos que já estejam imunes ao coronavírus. Essa plataforma poderá ser utilizada por empresas que buscam uma solução para continuar operando durante a crise do coronavírus.

Segundo o site da PrivacyTools, o Passaporte funcionará a partir de uma plataforma de prova de consentimento.

“ Ou seja, um protocolo de segurança multi-fator de verificação de identidade do usuário e registro de provas em blockchain.

Tudo para dar garantias técnicas ao controlador responsável pelo tratamento de dados pessoais (DPO) que o consentimento do indivíduo foi registrado corretamente. ”

 

Salvar a Economia em Tempos de Crise

Paulo Guedes já tinha sugerido, no início do mês, um passaporte da imunidade para pessoas que já tivessem se curado do coronavírus. A ideia do Ministro da Economia, que também tem o mesmo objetivo da plataforma da PrivacyTools, é que profissionais imunes pudessem sair do isolamento e voltar a trabalhar.

“ Ou seja, se você fez o teste e deu positivo, você pode circular. Você fez o teste e deu negativo, você tem que ir para casa. Não é agora. Agora nós estamos em isolamento. Nós estamos planejando uma saída, lá na frente e termos esse teste em massa. As pessoas vão sendo testadas, pode ser semanalmente e quem estiver livre, continua trabalhando. ”

O Passaporte de Imunidade da PrivacyTools ainda não está disponível, mas é possível fazer o seu cadastro no site da empresa.

O BeInCrypto entrou em contato com a empresa solicitando mais informações, porém até a publicação deste artigo nós não obtivemos uma resposta.

Para manter-se informado, tendo a sua disposição conteúdo constante e de qualidade, não deixe de acompanhar nosso site. Aproveite e faça parte da nossa página de criptomoedas no Twitter.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
Share Article

Mercadóloga, mestra em estratégia e estudiosa do mercado financeiro. Entusiasta do Bitcoin, começou a escrever sobre criptomoedas em 2017 e nunca mais parou. Atualmente é colaboradora do portal BeInCrypto.

SEGUIR O AUTOR

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá