PayPal cogita lançar stablecoin própria e procura empresa para desenvolver, diz site

Compartilhar Artigo
EM RESUMO
  • Segundo rumores, o PayPal estaria estudando a possibilidade de desenvolver uma stablecoin própria.

  • Iniciativa seria feita por meio de parcerias com outras empresas.

  • Rumores sobre a uma criptomoeda própria já são levantados desde o ano passado.

  • promo

    Estamos compartilhando informação no nosso grupo de Telegram , siga-nos! E obtenha sinais de trading e análise de criptomoedas diariamente!

The Trust Project é um consórcio internacional de veículos de notícias que criam padrões de transparência.

O gigante de pagamentos PayPal está cogitando desenvolver e lançar uma stablecoin própria, através de parcerias com outras empresas.



Conforme apurado pelo The Block, o PayPal estaria sondando alguns desenvolvedores de protocolos stablecoin da indústria de criptomoedas. Um das empresas que foram contactadas pela empresa seria a Ava Labs,  equipe por trás da rede blockchain Avalanche. A empresa não confirmou a informação.

Ainda não foram divulgados mais detalhes sobre outros desenvolvedores contatados ou quais seriam as intenções do PayPal com o projeto. Entretanto, fontes informaram que a empresa de pagamentos norte-americana estaria buscando terceirizar a criação de sua criptomoeda com uma empresa mais especializada no assunto.



“Parece que eles estão mais propensos a fazer algo com um parceiro de stablecoin existente, em vez de construir algo por eles mesmos, porque acho que isso levaria algum produto ao mercado mais rápido, e acho que essa é a principal preocupação deles”, disse uma fonte ao The Block.

Não é a primeira vez que os rumores de uma criptomoeda própria do PayPal são levantados. Em outubro de 2020, uma executiva da CoinShares afirmou que não ficaria surpresa se visse a empresa lançar uma moeda digital própria nos próximos 6 a 12 meses, em entrevista cedida a CNBC.

Caso o rumor se confirme, a noticia representaria uma abordagem ainda mais significativa da empresa em relação ao mundo das criptomoedas. Desde o anúncio de que passaria a aceitar ativos digitais como forma de pagamento, o PayPal tem sido uma das empresas que mais tem institucionalizado e buscado alternativas neste mercado.

O CEO da companhia, Dan Schulman, afirmou no final de 2020 que já era hora de pagamentos com moedas digitais se tornarem algo comum. Ele também afirmou recentemente que a recente demanda por criptoativos tem superado todas as expectativas que a empresa tinha.

Ao The Block, um porta-voz da empresa não confirmou os rumores, mas enfatizou que o PayPal continua a explorar o potencial e a infraestrutura das moedas digitais e seus serviços.

“Como uma empresa global que trabalha com reguladores e parceiros da indústria em todo o mundo para moldar a próxima geração de sistemas financeiros, a empresa está em conversas frequentes sobre tecnologias que viabilizam esses objetivos. No entanto, rumores e especulações não são preditivos dos planos futuros da empresa ”, afirmou o porta-voz.

Bancos se unem contra o PayPal

A informação de uma possível stablecoin do PayPal surge quando mais de 30 bancos europeus estão se unindo para criar um sistema de pagamentos digital que consiga “destruir” o domínio de empresas como PayPal, Visa e Mastercard tem na Europa.

Segundo o presidente da European Payment Initiative, Joachim Schmalzl, o objetivo é construir um “campeão europeu” de pagamentos que consiga enfrentar as gigantes de pagamento norte-americanas. Ele ainda enfatizou que nenhum banco sozinho seria capaz de realizar o feito, afirmando que a união é a melhor alternativa.

Entre os principais bancos que constam na iniciativa, estão o Deutsche Bank, BNP Paribas, ING, UniCredit e Santander. A expectativa é que o serviço de pagamentos esteja pronto até setembro deste ano.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
Share Article

TÓPICOS RELACIONADOS

Formado em administração e escritor por paixão, Anderson atua como redator para o BeInCrypto, escrevendo sobre as principais notícias sobre o criptomercado, economia e política.

SEGUIR O AUTOR

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá