Plataforma DeFi Bancor propõe proteção e seguro contra perdas impermanentes

Compartilhar Artigo
EM RESUMO
  • Bancor propõe proteger provedores de liquidez com exposição unilateral.

  • Os pools protegidos ou permitidos ganharão tokens de governança vBNT.

  • O BNT subiu 20% no anúncio da proposta.

  • promo

    Estamos compartilhando informação no nosso grupo de Telegram , siga-nos! E obtenha sinais de trading e análise de criptomoedas diariamente!

The Trust Project é um consórcio internacional de veículos de notícias que criam padrões de transparência.

Protocolo on-chain de liquidez descentralizado Bancor propôs uma atualização que introduzirá uma série de melhorias na plataforma, além da proteção contra perdas impermanentes.



Bancor lançou sua tão esperada atualização do protocolo da versão 2 no final de julho , e agora está propondo v2.1 para trazer uma série de melhorias e medidas de proteção.

O protocolo funciona de forma semelhante ao Uniswap e confia na liquidez para cumprir sua função. Ele usa um mecanismo de criação de mercado automatizado algorítmico (AMM) por meio do uso de “tokens inteligentes”, que garante liquidez e preços precisos, mantendo uma proporção fixa para tokens conectados.



O fornecimento de liquidez exige que os detentores de token abram mão de suas posições compradas para assumir a exposição a outros ativos da carteira. Isso pode expô-los a uma perda impermanente que ocorre quando os tokens fixados perdem valor em comparação a simplesmente mantê-los. É chamado de ‘impermanente’ porque os preços dos tokens podem retornar aos níveis em que estavam quando o usuário entrou no pool de liquidez, como a Bancor explicou em um artigo anterior .

Proteção contra perdas impermanentes

De acordo com o mais recente anúncio , Bancor v2.1 oferece dois recursos principais para AMMs; proteção de liquidez, ou Seguro de Perdas Impermanentes, e exposição unilateral.

Acrescentou que o protocolo protegerá o valor dos tokens depositados, independentemente do preço. Os provedores de liquidez acumulam essa proteção ao longo do tempo enquanto ganham com as taxas de swap. Isso é possível porque o Bancor usa seu token BNT nativo como ativo de contrapartida em cada pool;

“Usando um fornecimento elástico de BNT, o protocolo co-investe em pools ao lado de LPs e cobre o custo de perda impermanente com taxas de swap ganhas de seus co-investimentos.”

Fonte: Bancor.Network

Acrescentou que os farmers DeFi que fornecem liquidez para pools protegidos ‘whitelisted’ também recebem tokens vBNT que representam sua participação e podem ser usados ​​para governança e votação. Os stakers poderão apostar com proteção unilateral, o que significa fornecer apenas um token em vez de pares, como é o caso da Uniswap.

A atualização é atualmente apenas uma proposta e passará por uma votação de governança entre 14 e 17 de outubro.

Reação do preço BNT

O token nativo do Bancor, BNT, reagiu fortemente à proposta que e subiu mais de 20% nas últimas 24 horas. O BNT atingiu um pico de $ 1,40, antes de recuar ligeiramente para $ 1,34.

O token DeFi recuperou quase 100% de suas perdas no final de setembro quando os tokens DeFi em toda a indústria sofreram uma queda. No entanto, ainda está mais de 60% abaixo de seu topo de 2020 de mais de $ 3,60 no início de agosto após a atualização do protocolo v2.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
Share Article

Martin escreve sobre segurança cibernética e tecnologia de informação há duas décadas. Ele tem experiência anterior de trade e cobre ativamente a indústria de blockchain e cripto desde 2017.

SEGUIR O AUTOR

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá