Por que comprar Ethereum? Grayscale explica três motivos que justificam a aposta

Compartilhar Artigo
EM RESUMO
  • Grayscale reativou fundo de ETH e comprou US$ 37,8 milhões da moeda em 24 horas.

  • Gestora explica a investidores os motivos por trás do investimento.

  • Empresa projeta valorização apoiada em DeFi, staking e na transformação do ETH em commodity.

  • promo

    Estamos compartilhando informação no nosso grupo de Telegram , siga-nos! E obtenha sinais de trading e análise de criptomoedas diariamente!

The Trust Project é um consórcio internacional de veículos de notícias que criam padrões de transparência.

Só se fala em Ethereum após a segunda criptomoeda mais importante do mundo atingir uma nova máxima.



Depois de passar de US$ 1.500, o ativo quase chegou a US$ 1.700 em diversas exchanges. O movimento pode ter tido relação direta com a Grayscale, que reativou o fundo de ETH logo antes de comprar US$ 37,8 milhões em Ethereum em 24 horas.

Agora, a gestora explica os motivos por trás da aposta. Em documento a investidores, a Grayscale conta que existem pelo menos três grandes razões para projetar a valorização do ETH.



A criptomoeda, atualmente, responde por 19,7% do valor do Bitcoin, 0,53% do ouro e de 0,2% a 0,07% do dinheiro circulante. Nesses termos, portanto, a justificativa para a valorização do ETH se parece com a do Bitcoin como reserva de valor.

No entanto, o argumento da Grayscale para a moeda nativa da rede Ethereum iria além, envolvendo questões particulares da tecnologia que vem servindo de base para as finanças descentralizadas (DeFi).

ETH como dinheiro

O uso da rede Ethereum como base para o DeFi está no centro da noção do ETH como dinheiro. A Grayscale, portanto, concorda com a ideia de que a moeda tende a valorizar conforme aumenta a adoção de projetos de finanças descentralizadas. A empresa pontua, por exemploo, a 7 milhões de Ether bloqueados como garantia em protocolos descentralizados.

Em muitos aspectos, o Ether está funcionando como dinheiro digital da Nova Era na rede Ethereum. Sempre que um usuário implanta um contrato inteligente na rede Ethereum, fornece liquidez para um aplicativo ou faz uma negociação em uma exchange descentralizada, Ether é necessário para pagar as taxas de rede.

Nesse sentido, não só o aumento das taxas em si, mas a tendência em superar o Bitcoin nesse sentido, surgem como pontos favoráveis para comprar Ethereum. No entanto, há ainda dois motores de atração que a gestora mira como promissores.

Commodity consumível

Uma das promessas de forte valorização para o ETH decorreria da aprovação de uma mudança na rede. Segundo a Grayscale, a aprovação da proposta EIP-1559 pela comunidade teria um potencial sem tamanho para o preço do ativo. Isso porque ela prevê um novo mecanismo de queima de tokens em novas transações.

Na visão da Grayscale, o novo sistema tornaria o ETH uma espécie de commodity, ou seja, um produto consumível como o combustível. A mudança não só serviria para causar escassez no ativo, mas para garantir que ele seja a única moeda da rede.

O Ether se tornaria mais combustível do que dinheiro. Se esta proposta for implementada, também garantiria que o Ether é a unidade econômica nativa da rede Ethereum. Isso reduziria a possibilidade de abstração econômica – a capacidade de pagar taxas em um ativo além do Éter.

Ativo que rende juros

Por último, a Grayscale menciona que a ETH 2.0 é outro grande motivo para comprar Ethereum. Nesse sentido, a gestora afirma que uma eventual migração completa da rede para a infraestrutura de nova geração transformaria o ETH em uma “commodity produtiva”. Isso porque, além de poder ser consumida após a queima, o ativo poderia ser depositado para gerar rendimentos via staking.

Aqueles que estão confiantes nas perspectivas de preço futuro do Ether podem reforçar sua alocação apostando no ativo para obter um rendimento de suas garantias. O staking pode reduzir ainda mais o fornecimento circulante do Ether. Se uma grande parte do Ether estiver no staking, isso reduziria a oferta disponível para consumo, potencialmente atuando como um circuito de feedback positivo para o preço do Ether.

No fechamento da matéria, o ETH era negociado em exchanges por US$ 1.635, com valorização semanal de 30% e mensal de 58,9%. Segundo dados do Coingecko, o ativo já acumula crescimento de 758.4% em 12 meses.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
Share Article

Sou jornalista e especialista, pela USP-SP, em Comunicação Digital. Já trabalhei em rádio e impresso, mas boa parte da minha experiência vem do online. Desde 2013, colaboro regularmente com o Grupo Globo na área de tecnologia, onde já cobri assuntos diversos da área, de lançamentos de produtos aos principais ataques hackers dos últimos anos. Também já prestei consultoria em projetos do Banco Mundial e da ONU, entre outras instituições com foco em pesquisa científica. Entrei no mundo das criptomoedas principalmente na cobertura de ataques cibernéticos e golpes no Brasil. Atualmente, faço mestrado em Comunicação Científica na Universidade de Granada, na Espanha. Escrevo para o BeInCrypto desde abril de 2020.

SEGUIR O AUTOR

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá