O preço do Bitcoin está sendo negociado acima da maioria das médias móveis diárias e semanais. Na última vez que isso ocorreu, o preço do BTC foi envolvido por uma sólida tendência ascendente.

Destaques do Bitcoin

  • O preço do Bitcoin provavelmente está em uma tendência de alta.
  • Está sendo negociado acima de médias móveis semanais e diárias significativas.
  • Numerosas médias móveis fizeram cruzamentos de alta.

O trader e analista @filbfilb delineou um gráfico do preço do Bitcoin com inúmeras médias móveis (MM’s) plotadas nele. Ele afirma que o preço do Bitcoin está sendo negociado acima de todas as MM’s significativas nos prazos diário e semanal.

Isso já ocorreu anteriormente? O que isso significa para o movimento futuro dos preços? Continue lendo abaixo se quiser descobrir.

Médias Móveis Semanais do Bitcoin

Para o gráfico semanal, vamos usar as seguintes MMs:

  • 10 semanas (vermelho)
  • 20 semanas (verde)
  • 50 semanas (azul)
  • 100 semanas (branco)
  • 200 semanas (preto)

O preço do Bitcoin está sendo negociado acima de todas elas nas últimas seis semanas e, se descontarmos as MMs de 10 e 20 semanas relativamente a curto prazo, está sendo negociado acima do resto desde abril de 2019.

A época anterior em que o preço negociado acima de todas essas MMs foi o período de dezembro de 2015 a 2017, que era o mercado de alta anterior.

Outra semelhança é que o movimento de 2015 começou após um salto na curva de crescimento logarítmico de longo prazo (tracejado) e na MM de 200 dias – o mesmo catalisador que iniciou o atual movimento de alta em dezembro de 2018.

Um cenário quase idêntico pode ser observado em 2012-2014.

O preço saltou na curva de crescimento logarítmico em maio de 2012 e iniciou uma tendência de alta de quase dois anos, na qual o preço sendo negociado acima dessas MMs – com a exclusão da MM de 200 semanas, que ainda não havia sido plotada devido a a falta de pontos de dados.

Além disso, houve apenas duas vezes em que a MM de 50 semanas fez uma linha de alta com a de 100 semanas, em maio de 2016 e dezembro de 2019. Ambas as vezes, o ciclo de alta do mercado começou logo após – o que foi observado pela MM de 50-semanas estando acima da média da semana 100. Essa última característica ocorreu por cerca de 1000 dias nos dois ciclos de alta anteriores, mas ficou um pouco abaixo, o que significa que deu o sinal para o início e o fim do mercado alguns meses após a reversão.

Atualmente, a MM de 50 semanas está acima da de 100 semanas e isso já fazem 70 dias.

Indo apenas pela relação histórica do preço e suas MMs semanais e as MMs entre si, podemos afirmar que o preço do Bitcoin está em uma tendência de alta.

Médias Móveis Diárias

Para o gráfico diário, estamos usando os mesmos períodos de médias móveis. O preço do Bitcoin não os respeitou tanto quanto as médias semanais, especialmente as MMs de 10, 20 e 50 dias a curto prazo.

No entanto, a MM de 100 dias tem sido um bom preditor da direção da tendência, pois durante o período em que o preço esteve acima, a tendência foi de alta e vice-versa.

Além disso, oferece intermitentemente suporte/resistência ao preço.

Uma relação mais interessante é aquela entre as médias móveis de 50 e 200 dias.

Essas MMs fizeram primeiro uma linha de baixa (uma cruz da morte) em abril de 2018, sinalizando que o preço do Bitcoin está em uma tendência descendente e precedeu uma queda de US $ 9900 para US $ 3100.

Posteriormente, um mesmo cruzamento de alta entre as mesmas MMs (cruz de ouro) ocorreu em abril de 2019, precedendo um aumento de preço de $ 5000 para $ 13.600.

Atualmente, as MMs estão muito perto de fazer uma linha de alta e, a julgar pela inclinação da MM de 50 dias, é quase uma certeza que a cruz irá se formar em breve, confirmando que o preço está em uma tendência de alta.

Conclusão

A relação do preço do Bitcoin com suas MMs diárias e semanais tem sido historicamente relevante na determinação da direção da tendência, especialmente quando combinada com a relações das MMs para si.

Analisando o preço atual e as MMs, podemos afirmar que o preço do Bitcoin está nos estágios iniciais de uma tendência ascendente de longo prazo, que pode continuar por mais dois anos.

Apesar de já termos subido desde 1º de janeiro aproximadamente 50%, a verdade é que os grandes movimentos devem acontecer após o halving. Para lucrar com isso, é importante saber algumas maneiras seguras de operar, e as principais você confere clicando aqui.

Qual sua expectativa para o preço do Bitcoin ao longo da semana? Deixe nos comentários a sua opinião! Para nossa análise anterior, clique aqui.