Preço do Bitcoin Vai Chegar em R$ 4,1 Milhões, Afirma Especialista do Mercado

Compartilhar Artigo
EM RESUMO
  • Bobby Lee fez previsão para criptomoeda relacionando a impressão de dinheiro no mundo e a capitalização do ouro.

  • promo

    Estamos compartilhando informação no nosso grupo de Telegram , siga-nos! E obtenha sinais de trading e análise de criptomoedas diariamente!

The Trust Project é um consórcio internacional de veículos de notícias que criam padrões de transparência.

O preço do Bitcoin deve chegar em até R$ 4,1 milhões segundo previsão de Bobby Lee. O especialista em criptomoedas aposta que a moeda digital deverá enfrentar uma valorização nos próximos anos. Ao citar a impressão de dinheiro (moeda fiduciária) no mundo, Lee acredita que o Bitcoin ultrapassará US$ 1 milhão, ou ainda, mais de R$ 4,1 milhões.



Previsões revelam análises de especialistas que procuram entender o que acontecerá com o Bitcoin em alguns anos. Porém, nem todos os palpites revelam acertos, já que o preço da moeda digital é completamente volátil. Portanto, a análise serve apenas para sugerir como a criptomoeda pode se comportar no mercado.

Preço do Bitcoin em R$ 2 milhões em nove anos



O preço do Bitcoin chegará em R$ 2 milhões nos próximos nove anos, essa é a aposta de Bobby Lee. O especialista narra através do Twitter que acredita que a moeda digital deixará o ouro para trás. E segundo a previsão isso acontecerá na próxima década, com uma valorização surpreendente para o Bitcoin.

A criptomoeda ultrapassando o ouro alcançará um preço surpreendente no mercado, segundo Lee. O valor apresentado pela previsão do especialista mostra que o Bitcoin necessitará alcançar uma valorização de 24.000%, levando em consideração a cotação atual para a criptomoeda.

Essa valorização deve acontecer nos próximos nove anos, de acordo com a previsão do especialista. Para chegar a este valor, Lee comentou sobre duas importantes movimentações no mercado financeiro tradicional.

Em primeiro, futuramente a capitalização do mercado do Bitcoin tende a ser maior que a do mercado do ouro. Atualmente a capitalização do ouro é nove vezes maior que a da criptomoeda número 1 do mercado. Para o especialista, o criptoativo ultrapassará o ouro em até nove anos.

Impressão de dinheiro vai fazer criptomoeda chegar em R$ 4 milhões

A impressão de dinheiro em todo o mundo afetará diretamente a cotação do Bitcoin no mercado nos próximos anos. A previsão de Bobby Lee atesta que a criptomoeda chegará em mais de R$ 4 milhões.

Esta cotação será alcançada em um momento em que a emissão de dinheiro atingirá uma inflação histórica. Quanto mais dinheiro impresso maior será a inflação acumulada pela moeda. Por outro lado, o criptoativo possui uma emissão completamente limitada.

Somente 21 milhões de BTC vão existir e 85% deles já estão em circulação no mercado. Ou seja, ao contrário de moedas fiduciárias, o Bitcoin possui um número limitado de emissão que não pode ser alterado.

Por fim, Lee comentou sobre o esperado halving do criptoativo em 2020. A cada quatro anos a recompensa pela mineração do Bitcoin cai pela metade (halving). A limitação desta oferta continuará sendo reduzida até 2140, segundo previsões.

Historicamente, o halving do Bitcoin fez a criptomoeda aumentar um dígito em seu valor em dólar norte-americano. Dessa forma, o especialista termina sua previsão apontando que o próximo halving do Bitcoin deverá fazer a criptomoeda chegar em US$ 100 mil, ou ainda, cerca de R$ 415 mil, em até dois anos após o halving.

Quanto você acha que o preço do Bitcoin poderá atingir no mercado de criptomoedas? Comente sobre esta notícia e compartilhe no Twitter!

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
Share Article

TÓPICOS RELACIONADOS

Lucas é formado em administração com foco em empresas. Iniciou sua carreira como analista de investimentos para bancos focados no segmento. Após adquirir experiência, em 2015 fundou sua própria startup, focada em gerar tecnologias de segurança para transações financeiras. Concomitantemente, desenvolve seu trabalho e conhecimento financeiro atuando no BeInCrypto, através de análises do setor financeiro de criptomoedas e novas avaliações de novas tecnologias Blockchain pelo mundo.

SEGUIR O AUTOR

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá