Preços em alta deixam a maioria dos donos de criptomoedas no lucro

Compartilhar Artigo
EM RESUMO
  • Cerca de 92% dos donos de Bitcoin estão lucrando em comparação à data de compra

  • Criptoativos próximos do máximo histórico têm um número ainda maior de investidores no lucro

  • A alta de preços faz com que taxas de transação aumentem, o que leva a um maior uso do SegWit na rede Bitcoin

  • promo

    Participe da nossa comunidade gratuita no Telegram e obtenha sinais de trade e análises de criptomoedas todos os dias!

The Trust Project é um consórcio internacional de veículos de notícias que criam padrões de transparência.

Com o retorno do aumento nos preços em quase todos os criptoativos, o número de endereços com lucro em relação ao preço pelo qual foram adquiridos está aumentando.

Patrocinados



Patrocinados

No entanto, algumas criptomoedas estão se saindo muito melhor do que outras. Os preços em alta também estão impactando os custos de transação. Taxas mais altas na rede Bitcoin parecem estar incentivando uma maior adoção do SegWit. Quase dois terços dos pagamentos agora usam o formato de transação com economia de intervalo de blocos (block space-saving transaction).

A maioria dos investidores de criptomoedas estão no lucro

Cerca de 92% de todo o bitcoin atualmente guardado nas carteiras foi adquirido a um preço inferior ao atual.

Patrocinados



Patrocinados

Alguns ativos digitais com desempenho superior ao Bitcoin são aqueles que entraram no ar após a bitcoin mania de 2017 e também têm um grande número de endereços com lucro. LINK, VET, CRO e SNX atraíram ondas de interesse especulativo ao longo de  2020 que resultaram em uma superação de seus máximos anteriores.

De acordo com dados da IntoTheBlock, 95% dos endereços ChainLink e Crypto.com estão atualmente em situação de lucro. Enquanto isso, 94% dos endereços da VeChain adquiriram suas participações a um preço mais baixo do que hoje.

Finalmente, tendo experimentado um aumento gigantesco de preço de 2.320% nos últimos doze meses, a maioria dos detentores de Token de Rede Synthetix está em posição de vantagem.

Do outro lado do espectro estão os criptoativos que foram os mais atingidos pela queda em massa de 2018. Apenas 77% dos endereços da Ethereum, por exemplo, são lucrativos. Pior ainda estão Litecoin, Dash e Cardano, com 55%, 56% e 57% das carteiras agora com lucro, respectivamente.

Preços em alta aumentam o uso do SegWit

Conforme mencionado anteriormente, a alta do preço também está levantando algumas questões relacionadas às taxas de transação. Talvez o maior atingido seja o Ethereum. O BeInCrypto noticiou o aumento dos preços das taxas no mês passado. O crescente interesse no DeFi significou um aumento no uso da rede.

O Bitcoin não é um caso isolado neste cenário. De acordo com dados da BitInfoCharts, a taxa média de transação no início de agosto atingiu quase US$ 6,50. Os preços crescentes não apenas valorizam cada satoshi das taxas, mas também atraem maior interesse especulativo.

O número crescente de transações torna cada intervalo de bloco particularmente valioso.

Enquanto a Ethereum espera por uma atualização muito esperada que mira na capacidade de transação da rede, o cenário atual está atraindo um maior uso de SegWit no Bitcoin.

SegWit, ou Segregated Witness, foi adicionado à rede em 2017 como um soft fork. Ele reduz a quantidade de dados de transações armazenados na blockchain. Isso efetivamente aumenta a capacidade da rede.

Recentemente, o BeInCrypto noticiou os US$ 500 milhões em taxas de transação de criptomoedas gastos desnecessariamente desde o lançamento do SegWit. Alguns usuários da rede estão acostumados com esse desperdício e, consequentemente, o uso do SegWit agora está crescendo.

O investidor de criptomoedas e empresário Alistair Milne concorda com essa avaliação, citando dados da transactionfee.info. Na casa dos 65%, o número de transações que implementam a solução de escalabilidade atingiram a máxima de todos os tempos.

Milne argumenta que as empresas que não usam o SegWit serão eventualmente “forçadas a habilitá-lo”. Mencionando Blockchain.com como exemplo, ele afirma que não fazer esforços para reduzir o intervalo de bloco usado por transação de criptoativo pode ser o fim para quem usuários exigentes, como exchanges.

Testando limites

O SegWit, supostamente, beneficia toda a rede. A diminuição da demanda por espaço de bloco resulta em taxas médias mais baixas para toda a rede.

Na verdade, Milne recentemente colocou uma recompensa de 0,1 BTC pela criação de um bot que simplesmente postaria “Quando vai usar SegWit?” como uma resposta a tweets de empresas que não usam transações SegWit.

Acesse o grupo de sinais gratuito do BIC e concorra

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
Patrocinados
Share Article

Um ex-jogador profissional, Rick encontrou o Bitcoin pela primeira vez em 2013, enquanto pesquisava métodos de pagamento alternativos para usar em cassinos online. Tendo concluído que a raiz da maioria dos males do mundo provém de um sistema financeiro tóxico durante seu tempo de leitura de Política Internacional na universidade, o potencial perturbador de um ativo descentralizado e sem fronteiras ficou imediatamente claro. Após a transição para a redação em tempo integral em 2016, Rick foi capaz de colocar sua paixão pelo Bitcoin a seu serviço profissionalmente. Desde então, ele escreveu para várias publicações de ativos digitais em uma variedade de funções.

SEGUIR O AUTOR

Previsões de cripto com o Melhor Canal de Sinais com +70% de acertos!

Entre Agora

Sinais de mercado, estudos e análises! Entre hoje no nosso Telegram!

Entrar agora