Primeira moeda digital de Banco Central do mundo chega em outubro, à frente da China

Compartilhar Artigo
EM RESUMO
  • O Banco Central das Bahamas anunciou que o “Dólar de Areia” será lançado em 20 de outubro de 2020.

  • A moeda digital será gradualmente introduzida, não descartada no ar.

  • O CBDC ainda não fornecerá anonimato.

  • promo

    Estamos compartilhando informação no nosso grupo de Telegram , siga-nos! E obtenha sinais de trading e análise de criptomoedas diariamente!

The Trust Project é um consórcio internacional de veículos de notícias que criam padrões de transparência.

O Banco Central das Bahamas anunciou a data de estreia de sua moeda digital. Essa será provavelmente a primeira moeda digital de Banco Central (CBDC) do mundo. A nação-ilha passou à frente de gigantes das finanças como França e China.



Em menos de um mês, a primeira moeda digital de Banco Central é quase uma realidade. As Bahamas anunciaram o início da primeira fase de seu novo CBDC.



No mês passado, o BeInCrypto divulgou o plano do país de lançar o primeiro CBDC do mundo. Outros países, como França e China, também disputavam a dianteira. Em 25 de setembro, a ConsenSys anunciou que está trabalhando com Hong Kong em uma prova de conceito de CBDC.

Moeda digital terá lançamento gradual

Embora o lançamento em 20 de outubro torne a moeda a primeira do mundo, a liberação não será de uma vez. O chamado Sand Dollar (“dólar de areia”) será lançado em fases, começando pelo acesso a instituições privadas, como bancos. Durante a fase um, essas organizações terão que preparar suas operações e configurar a conformidade do tipo “Conheça Seu Cliente” (KYC, do inglês Know Your Client).

As carteiras abertas em instituições privadas durante esse estágio terão níveis hierárquicos de KYC e restrições. A segunda fase, planejada para o início de 2021, envolverá organizações públicas, incluindo prestadoras de serviços como luz e água.

As Instituições Financeiras Autorizadas (AFIs) e outras empresas financeiras também precisarão demonstrar um certo grau de segurança cibernética. As carteiras terão autenticação de múltiplos fatores.

Embora as transações não tenham o anonimato do dinheiro, elas não ficarão sem proteções. O anúncio indica que haverá padrões para proteger as informações de identificação, incluindo criptografia. Dessa maneira, o nome Sand Dollar não traz o mesmo sentido esperado para uma criptomoeda.

 

Ninguém está isolado nas ilhas

O Baco Central das Bahamas disse que o país não é o primeiro a ter uma moeda digital nacional por acaso. Conforme o BeInCrypto publicou anteriormente, o banco foi impulsionado pela necessidade de lidar com um grande volume de microtransações.

Com muitos pequenos empresários espalhados por várias pequenas ilhas, era necessário uma maneira fácil de pagar em qualquer lugar. Na verdade, a Iniciativa de Modernização do Sistema de Pagamentos existe desde o início dos anos 2000 . Talvez o país seja o primeiro a produzir um CBDC porque eles foram os primeiros a começar.

Share Article

A opinião da equipe BeInCrypto em uma única voz.

SEGUIR O AUTOR

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá