Queda do bitcoin fez US$ 5,6 bilhões de criptomoedas serem liquidadas

Compartilhar Artigo
EM RESUMO
  • O Bitcoin (BTC) mostrou uma queda de mais de 18% em 24 horas.

  • O seu desempenho fez US$ 5,64 bilhões em ativos serem liquidados em exchanges centralizadas.

  • Em 22 de fevereiro, o bitcoin bateu recorde de maior queda diária de preço.

  • promo

    Estamos compartilhando informação no nosso grupo de Telegram , siga-nos! E obtenha sinais de trading e análise de criptomoedas diariamente!

The Trust Project é um consórcio internacional de veículos de notícias que criam padrões de transparência.

O Bitcoin caiu mais de 16% desde a abertura diária, chegando a ser negociado em torno de US$ 46.000 nesta manhã de terça-feira (23).



O desempenho negativo do bitcoin continua acontecendo desde segunda-feira, quando a criptomoeda caiu 13% em apenas 4 horas. e registrou a maior queda diária da história.

O dia 22 de fevereiro também registrou a maior queda diária da história do bitcoin. A certa altura, o BTC desviou US$ 10.877 de seu preço de abertura. Em contraste, este valor tem uma variação média de US$ 3.765 no ano até o momento.



Liquidações de criptomoedas explodem com queda do BTC

De acordo com dados da Bybt, uma quantia enorme de US$ 5,64 bilhões de criptomoedas em 645.278 posições abertas em diferentes corretoras, foram liquidadas.

Valor total de liquidações. Fonte: Bybt

O Bitcoin representou a maior parte dessas liquidações. Em primeiro lugar está o bitcoin com US$ 2,41 bilhões de BTC foram liquidados, seguido de US$ 1,35 bilhão de ETH. Tanto Litecoin (LTC) quanto Ripple (XRP) liquidaram US$ 200 milhões cada.

Além disso, outras criptomoedas como Binance Coin (BNB), Bitcoin Cash (BCH), EOS, Polkadot (DOT) e Cardano (ADA) somam um total de US$ 663 milhões em posições liquidadas.

Além disso, a queda de preços que começou em 22 de fevereiro, agora conhecida como “segunda-feira sangrenta”, também teve um grande efeito no setor DeFi.

De acordo com dados do DeBank, o valor total bloqueado em protocolos de finanças descentralizadas (DeFi) caiu de US$ 44 bilhões para US$ 36 bilhões. Ou seja, em apenas um dia caiu em 18% o valor do mercado DeFi.

Valor total bloqueado em DeFi. Fonte: DeBank

Seria este o ‘Efeito Musk’?

Em 20 de fevereiro, o CEO da Tesla, Elon Musk, entrou no Twitter para comentar que os preços do BTC e do ETH “pareciam altos”.

A influência do bilionário no mercado das criptomoedas está sendo chamada de “Efeito Musk”. Historicamente, seus tweets sobre Bitcoin e Dogecoin conquistaram grandes engajamentos e podem ser correlacionados com algumas mudanças recentes de preços.

Se esta queda de preços é apenas uma correção saudável ou uma reação tardia do mercado aos comentários de Musk, ainda está para ser descoberto.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
Share Article

A opinião da equipe BeInCrypto em uma única voz.

SEGUIR O AUTOR

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá