Ripple veio ao Brasil às pressas por ‘demanda urgente’ para serviço de XRP

Compartilhar Artigo
EM RESUMO
  • Ripple veio às pressas para o Brasil por uma demanda "urgente" de serviço de remessas internacionais.

  • Movimento teria acontecido em 2019, antes da reunião dos executivos da empresa com representantes do Banco Central.

  • Plataforma usa XRP para baratear operação de câmbio.

  • promo

    Participe da nossa comunidade gratuita no Telegram e obtenha sinais de trade e análises de criptomoedas todos os dias!

The Trust Project é um consórcio internacional de veículos de notícias que criam padrões de transparência.

A Ripple identificou uma “demanda urgente” por serviços remessas internacionais no Brasil e teve que liderar uma força-tarefa para chegar ao mercado brasileiro às pressas, segundo o site XRP Arcade.

Patrocinados



Patrocinados

Ainda em 2019, a empresa sediada no Vale do Silício, nos Estados Unidos, teria descoberto que havia forte demanda de mercado para envio de dinheiro para o Brasil, e teria iniciado um processo acelerado de credenciamento de parceiros para integrar sua rede de Liquidez Sob Demanda (On Demand Liquidity – ODL).

Liquidez sob demanda

O serviço ODL é uma plataforma da Ripple que permite realizar remessas internacionais sem precisar passar pelo processo convencional de câmbio. No lugar, o sistema envolve o uso do token XRP, conhecido pela rede rápida e de baixo custo, como intermediário.

Patrocinados



Patrocinados

Em uma ponta, o remetente compra XRP, que é enviado para o destino final e convertido de volta para moeda fiduciária. Há dois anos, a Ripple viu que muitos queriam fazer isso para trazer dinheiro ao Brasil.

A empresa disse à Reuters em 2019 que as oportunidades nesse setor iriam “crescer bastante nos próximos anos“. No entanto, na época não detalhou a urgência da operação.

A companhia já tinha acordos com o banco Santander no país para facilitar seu serviço de remessa. No entanto, precisava buscar um parceiro para operacionalizar o negócio.

Foxbit e XRP

A escolhida foi a exchange Modiax. Segundo observa o XRP Arcade, a integração do parceiro parece ter ocorrido antes da reunião dos diretores da Ripple com o Banco Central do Brasil em maio de 2020.

Após a integração da Modiax com a Ripple, porém, a empresa foi adquirida pela exchange Foxbit. À reportagem, a corretora brasileira diz que o negócio não se deu pelo serviço de liquidez da Ripple. Segundo o CO CEO, Ricardo Dantas, “a aquisição foi estratégica pela ótima tecnologia apresentada para Modiax”.

O executivo, no entanto, confirma que hoje a Foxbit opera a Liquidez Sob Demanda da Ripple no Brasil por meio do serviço de mesa OTC. “Temos uma parceria por termos listado o XRP“, explica Dantas. A exchange não revela números do negócio.

Mais recentemente, a Ripple anunciou que testaria nos mercados que operam o ODL um novo serviço para estimular a criação de startups nos moldes da TransferWise, que interrompeu a operação no Brasil após uma polêmica com o banco MS Bank. Além disso, a empresa dona da XRP segue contratando para o escritório em São Paulo.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
Patrocinados
Share Article

Sou jornalista e especialista, pela USP-SP, em Comunicação Digital. Já trabalhei em rádio e impresso, mas boa parte da minha experiência vem do online. Desde 2013, colaboro regularmente com o Grupo Globo na área de tecnologia, onde já cobri assuntos diversos da área, de lançamentos de produtos aos principais ataques hackers dos últimos anos. Também já prestei consultoria em projetos do Banco Mundial e da ONU, entre outras instituições com foco em pesquisa científica. Entrei no mundo das criptomoedas principalmente na cobertura de ataques cibernéticos e golpes no Brasil. Atualmente, faço mestrado em Comunicação Científica na Universidade de Granada, na Espanha. Sou editor-chefe do BeInCrypto Brazil desde abril de 2021.

SEGUIR O AUTOR

Previsões de cripto com o Melhor Canal de Sinais com +70% de acertos!

Entre Agora

Sinais de mercado, estudos e análises! Entre hoje no nosso Telegram!

Entrar agora