Especulações sobre possíveis novas altas do Bitcoin foram alimentaram o noticiário de criptomoedas na semana. Além disso, a Ripple voltou a chamar atenção pelo sucesso da ponte entre XRP e o mercado DeFi.

O Bitcoin vem de baixa após a queda abrupta de próximo de US$ 12.000 para o patamar de US$ 10.000. No entanto, alguns analistas começaram a enxergar sinais de movimentação positiva nos últimos dias. Enquanto isso, um bilionário alvo de golpe virou notícia ao chamar o Bitcoin de pirâmide.

Veja esses e outros assuntos mais populares entre os leitores do BeInCrypto na semana que passou.

Como comprar Bitcoin e entrar no grupo de sinais gratuito do BeInCrypto

Usuários da Ripple posicionam quase 1 bilhão de XRP para airdrop

Usuários de Ripple parecem não ver a hora de poderem entrar no mundo DeFi. O projeto Spark, que cria uma ponte entre a moeda e o Ethereum, irá distribuir tokens para donos de XRP para paridade 1:1. Com ele, será possível fazer operações com contratos inteligentes usando a liquidez do XRP. Na última semana, os responsáveis anunciaram que já havia 980 milhões de XRP e mais de 17 mil contas prontos para o airdrop.

No entanto, nem todos irão de fato receber o ativo. Mais detalhes sobre a iniciativa serão revelados em dezembro.

Forbes projetou início de subida do Bitcoin nesta semana

Um analista da Forbes endossou analistas de mercado que previam nova ascensão do Bitcoin. A criptomoeda passava por dificuldades para manter o suporte de US$ 10.000. Alguns traders já previam início de uma retomada. No entanto, chamou mais atenção a anuência de George Ball, ex-CEO da Prudential e historicamente contra o BTC.

Na visão dele, os governos deverão continuar a estimular investidores a procurarem ouro ou Bitcoin para proteção. O ponto de virada seria em 7 de setembro. De fato, desde esse dia o BTC voltou a subir. De cerca de US$ 10.000, já circula entre US$ 10.200 e US$ 10.300.

Peter Schiff diz que Bitcoin está em baixa

No entanto, nem todos os críticos do Bitcoin mudaram de ideia. Peter Schiff, por exemplo, voltou a atacar a criptomoeda. Nesta semana, ele disse categoricamente que o ativo está estabilizando antes de cair de vez. O CEO da Euro Pacific Capital também chegou a se retratar pela previsão errada que havia dado para o BTC anteriormente. Porém, disse que a culpa teria sido do “surto do ouro e da Grayscale na TV”.

Como comprar Bitcoin e entrar no grupo de sinais gratuito do BeInCrypto

Bilionário alvo de golpe chama Bitcoin de “pirâmide”

Além de Schiff, outro bilionário criticou o Bitcoin publicamente. Mas, não se trata de um investidor do mundo das criptomoedas – muito pelo contrário. Michael O’Leary, dono da Ryan Air, maior companhia de aviação low cost da Europa, atacou o BTC de maneira dura após ter sido alvo de golpe.

A imagem do empresário foi usada por um esquema que pedia dinheiro para, supostamente, investir em Bitcoin. Ao ser perguntado sobre o episódio O’Leary foi enfático ao fizer que nunca investiu e nunca investirá em Bitcoin. Para ele, o ativo é nada mais que uma grande pirâmide financeira por si só.

Novo crash das bolsas dará nova oportunidade ao Bitcoin?

Entre projeções positivas e negativas, o Bitcoin poderá trilhar um caminho de alta por conta de um fator externo. Em editorial, a CNN detalhou como analistas já preveem uma nova queda generalizadas nas bolsas. O mergulho da Nasdaq após a liquidação de ações deixou investidores apreensivos, e o futuro para S&P 500, por exemplo, ainda é incerto.

Se o mercado acionário estiver prestes a viver um novo mês de março, o Bitcoin poderá ter nova oportunidade de servir como proteção. Como consequência, o preço poderá subir dada a nova demanda. Talvez não coincidentemente, o preço do BTC atingiu, nos últimos dias, uma alta histórica de correlação com o ouro, que normalmente sobe em tempos de crise.