Robô da Atlas Quantum Ainda é Motivo de Dúvidas

Compartilhar Artigo

Alguns dias depois de liberar o seu robô de arbitragem, conhecido como Projeto Phoenix, para novos clientes, a Atlas Quantum ainda divide a opinião de investidores.



Os investidores ainda estão desconfiados do novo projeto da empresa. Muitos dos usuários que perguntam sobre o Phoenix e que tentam sanar suas dúvidas através de redes sociais são antigos clientes da Atlas. Muitos deles contabilizam prejuízos altíssimos.

Há quem defenda o novo projeto da Atlas, acreditando que ele será a salvação da empresa, mas também existem vários críticos, que acreditam que o Phoenix é outro golpe.



O Projeto Phoenix

O Phoenix foi lançado no dia 26 de fevereiro pela Atlas Quantum como parte de um plano que pretende recuperar a empresa em até 7 anos. Para utilizar o robô não é necessário realizar um investimento mínimo, somente será cobrada uma taxa de 50% dos ganhos obtidos por meio da automação.

A utilização do robô de arbitragem ainda está restrita à BitMEX. Pelo painel de controle é possível ver se o robô está ativo, quanto foi o lucro total obtido pelo mesmo, e quanto é devido à Atlas Quantum pela utilização do Phoenix. Na aba de “pagamentos”, é informado novamente quanto é necessário pagar para que o robô continue operando.

O não pagamento dessa taxa imposta pela Atlas, na teoria, implicaria a desativação do Phoenix. No site oficial do projeto a Atlas explica que:

“O Projeto Phoenix é um algoritmo de trade automatizado onde é possível rentabilizar seus bitcoins diretamente na sua wallet de sua corretora. Você mantém a custódia de suas moedas e define o risco do investimento baseado em seu perfil de investidor. O algoritmo efetuará as ordens de compra e venda automaticamente, sem a necessidade de acompanhamento em tempo integral de sua operação.”

Ainda se Perguntam Quanto a Confiabilidade

No Facebook, em grupos para discussão sobre investimentos e de antigos clientes da Atlas Quantum, vários usuários estão em dúvida sobre o Projeto Phoenix. Alguns não sabem se é uma boa ideia utilizar os serviços de uma empresa acusada de fraude e outros ainda não entenderam como é o funcionamento do robô de arbitragem.

Um usuário informou que está utilizando o Phoenix há alguns dias, segundo ele as operações são feitas somente para BTC-USD. O rendimento está sendo bom e o robô é bem “transparente’’. Porém ele deixa claro que conhece os riscos.

Outro usuário é enfático ao dizer que o projeto se trata de outro golpe. Ele explica que a Atlas cobra pelo lucro, mas não divide o prejuízo. Segundo ele a empresa pode perder “de propósito” em um cliente e passarem o lucro para outro cliente, manipulando os usuários. Já outras pessoas estão tendo problemas para configurar o robô de arbitragem.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
Share Article

Mercadóloga, mestra em estratégia e estudiosa do mercado financeiro. Entusiasta do Bitcoin, começou a escrever sobre criptomoedas em 2017 e nunca mais parou. Atualmente é colaboradora do portal BeInCrypto.

SEGUIR O AUTOR

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá