Sócio da BLP Asset diz Que Rodada de Valorização do Bitcoin vai Ocorrer em Setembro

Compartilhar Artigo
EM RESUMO
  • Axel Blikstad disse que o bitcoin vai valorizar "violentamente" em setembro

  • O Bitcoin pode chegar até os US$ 20.000

  • Os mercados tradicionais estão otimistas, mas isso não reflete os dados reais da economia

  • promo

    Estamos compartilhando informação no nosso grupo de Telegram , siga-nos! E obtenha sinais de trading e análise de criptomoedas diariamente!

The Trust Project é um consórcio internacional de veículos de notícias que criam padrões de transparência.

Axel Blikstad, sócio da BLP Asset e criador do primeiro fundo de criptoativos para o varejo do Brasil disse que não poderia haver uma crise melhor para o bitcoin.



A impressão desenfreada de dinheiro por bancos centrais ao redor do mundo, em uma tentativa de salvar a economia, pode criar uma superinflação, e com a penalização das moedas tradicionais, o bitcoin pode se beneficiar com isso.

Blikstad disse que espera que o bitcoin se valorize significativamente a partir de setembro. Ele espera que a rodada de apreciação da criptomoeda seja mais violenta do que a de 2017, o que pode levar o bitcoin a superar os US $ 20.000, nível que quase atingiu um dezembro de 2017.



Porém, para que isso aconteça é importante que novos investidores abracem a causa e entrem no sistema.

Março Deu Uma Rasteira nos Mercados

No mês de março os mercados financeiros foram punidos pela crise criada pelo coronavírus. Os ativos tradicionais, como as bolças de ações e os criptoativos foram atingidos em cheio. O bitcoin chegou a perder 50% do seu valor.

Mas isso não quer dizer que o bitcoin falhou como reserva de valor. Blikstad explica que, em uma crise de liquidez, como a que estamos vivendo atualmente, é normal que investidores se desfaçam do que têm em seus portfólios para obter dinheiro.

Outros fatores que influenciaram a queda da criptomoeda em março foram as suas próprias peculiaridades, o mercado de moedas virtuais não fecha e não possui travas como o circuit breaker. Além disso, as exchanges permitem alavancagens elevadas, e isso pode ter gerado um desmonte em série de posições que estavam compradas.

Otimismo do Mercado Tradicional Não é Real

Blikstad diz que, assim como o mercado de ativos tradicionais, ele está otimista. Porém, ao contrário dele, os mercados estão otimistas demais. A correção para cima das bolsas não reflete os dados reais da economia, onde o nível de desemprego está crescendo e há constantes problemas para a contenção do coronavírus.

Essa recuperação do mercado é reação à oferta de liquidez concedida pelos bancos centrais dos governos ao redor do mundo. É certo que a economia vai continuar a sofrer os impactos da pandemia, mesmo com todos os esforços feitos pelas operações de salvamento.

Blikstad lembra que o processo de recuperação de ativos tradicionais não leva dias ou semanas, e sim meses.

E esse otimismo do mercado tradicional é muito frágil. Não precisa muito para fazer o mercado ficar pessimista. O grande medo dos governos no mundo inteiro é o risco de uma segunda onda, uma volta dos contágios pelo coronavírus nos países que já atravessaram o caos da primeira leva de casos poderia acabar com qualquer previsão positiva dos mercados.

Mas, apesar de existir a possibilidade dos criptoativos serem afetados se essa segunda leva de disseminação da doença acontecer, vale lembrar que o halving do bitcoin vai ocorrer em maio e a diminuição da oferta de um ativo, se a demanda permanece estável, faz com que o seu preço suba. E isso pode implicar uma provável valorização da criptomoeda.

O BeInCrypto entrou em contato com o Axel Blikstad pedindo para que ele comentasse sobre essa matéria, mas até o momento da publicação deste artigo nós não recebemos uma resposta.

Para manter-se informado, tendo a sua disposição conteúdo constante e de qualidade, não deixe de acompanhar nosso site. Aproveite e faça parte da nossa página de criptomoedas no Twitter.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
Share Article

Mercadóloga, mestra em estratégia e estudiosa do mercado financeiro. Entusiasta do Bitcoin, começou a escrever sobre criptomoedas em 2017 e nunca mais parou. Atualmente é colaboradora do portal BeInCrypto.

SEGUIR O AUTOR

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá