Todos a bordo do Expresso Bitcoin, afirma Max Keizer sobre a fuga de capital asiática

Compartilhar Artigo
EM RESUMO
  • Uma nova lei imposta a Hong Kong pelo governo chinês aumentou os temores de censura financeira

  • Cidadãos ricos de Hong Kong moveram 10% de seu ouro para fora do território

  • Max Keizer acredita que o Bitcoin está sendo usado como um veículo para movimentar dinheiro para fora da Ásia

  • promo

    Estamos compartilhando informação no nosso grupo de Telegram , siga-nos! E obtenha sinais de trading e análise de criptomoedas diariamente!

The Trust Project é um consórcio internacional de veículos de notícias que criam padrões de transparência.

Para os investidores, Hong Kong há muito tempo serve como intermediário amigável do sistema financeiro global com a China. Mas depois de um ano de convulsão social, o governo chinês impôs uma nova lei de segurança nacional abrangente que, segundo consta, lhe concederia “semi-autonomia” até 2048.



Aprovada em 30 de junho de 2020, a nova lei apresenta 66 artigos que afetam muitos aspectos da vida em Hong Kong, incluindo o potencial de censura financeira por Pequim. As condições para a fuga de capitais estão fortes na esteira dessa legislação.

Investidores retiram 10% de suas riquezas de Hong Kong

Inicialmente, as coisas estavam calmas, mas nas seis semanas que se passaram desde que a lei foi promulgada, as evidências e outras especulações começaram a aumentar. Em 7 de agosto, o Financial Times relatou que os ricos de Hong Kong estavam tentando mover ouro para fora da cidade.



O mesmo artigo observa que cerca de 10% das propriedades privadas foram transferidas para jurisdições mais seguras, como Cingapura ou Suíça, desde o início dos protestos. Alguns até especularam que os movimentos recentes no sexto maior centro financeiro do mundo foram responsáveis ​​pela última alta do bitcoin.

Em um tweet de 10 de agosto, o conhecido defensor do Bitcoin e âncora de TV Max Keizer argumentou que o bitcoin está sendo usado para mover grandes quantias de dinheiro para fora da Ásia.

Fonte: Max Keiser

O ponto de Keiser é enfatizado pelo fato de que deixar a região com grandes quantidades de ouro físico a reboque é quase impossível. Por exemplo, um cidadão chinês foi detido recentemente tentando cruzar ilegalmente para os EUA com $ 28.000 em barras de ouro.

História se repetindo

Os cidadãos de Hong Kong começaram a procurar barreiras contra um futuro obscurecido por um clima político incerto. Liquidar ativos em bitcoin é um movimento lógico, mas é importante notar que tais ações não são sem precedentes.

Após a Declaração Sino-Britânica de 1994 , muitos presumiram que Hong Kong perderia completamente sua autonomia. Como resultado, milhares de habitantes de Hong Kong emigraram para a América do Norte, Reino Unido ou outros países ocidentais.

E, ao fazê-lo, compraram bilhões em imóveis no exterior para proteger sua riqueza em caso de repressão. Desta vez, em vez de imóveis, eles podem estar devorando bitcoin.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
Share Article

A opinião da equipe BeInCrypto em uma única voz.

SEGUIR O AUTOR

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá