Trades de Bitcoin em dezembro superam soma de Apple, Amazon e Google

Compartilhar Artigo
EM RESUMO
  • Bitcoin bateu recorde de volume enquanto subia em direção a US$ 30.000.

  • Dezembro registrou média móvel diária acima de Apple, Google e outras empresas somadas.

  • Números sequer consideram subida para US$ 34.000, que aconteceu apenas em janeiro de 2021.

  • promo

    Estamos compartilhando informação no nosso grupo de Telegram , siga-nos! E obtenha sinais de trading e análise de criptomoedas diariamente!

The Trust Project é um consórcio internacional de veículos de notícias que criam padrões de transparência.

Dezembro de 2020 entrou para a história do Bitcoin e das criptomoedas. Além de superar a marca histórica de US$ 20.000 e alcançar US$ 29.000 no final do mês, o volume de trades também foi recorde. Além disso, a quantidade de trades de BTC foi maior que a soma de negociações de ações de algumas das maiores empresas do mundo.



Segundo o Crypto Parrot, um simulador de compra e venda de criptomoedas, a média móvel diária de Bitcoin transacionado em dezembro chegou a US$ 39,1 bilhões. O valor, segundo a empresa, é maior do que a as médias acumuladas somadas dos trades em ações da Apple (AAPL), Amazon (AMZN), Microsoft (MSFT), Alphabet (GOOGL) e Facebook (FB).

Volume de trades de Bitcoin foi maior do que a soma de negociações de ações das cinco empresas mais valiosas do mundo | Fonte: Crypto Parrot

O site analisou as negociações realizadas entre os dias 1 e 31 de dezembro. Para o Bitcoin, no entanto, a empresa levou em conta os trades globais. Já para as gigantes da tecnologia, apenas os números da Nasdaq foram considerados para o levantamento.



Gigantes do Vale do Silício ficam atrás do Bitcoin em volume de trades

O volume médio diário de trades de ações da Apple em 30 dias ficou em US$ 13,63 bilhões. O valor, dessa forma, chega a apenas um terço do que o Bitcoin alcançou sozinho. Enquanto isso, a Amazon registrou volume de US$ 11,42 bilhões.

A quantidade de trades de ações da Microsoft, por outro lado, foi de US$ 5,92 bilhões no período. Na sequência, aparece o Facebook, com US$ 4,38 bilhões de negociações acumuladas em média.

Em último vem a Alphabet, dona do Google, com US$ 2,31 bilhões na soma das médias móveis diárias do mês. A soma, portanto, é de US$ 37,65 bilhões, cerca de 3,7% atrás do Bitcoin.

Volume de trades de ações da Apple, empresa mais valiosa do mundo, foi um terço do Bitcoin | Fonte: Crypto Parrot

O Bitcoin abriu o mês cotado a cerca e US$ 19,4 mil. Em 31 de de dezembro, fechou a US$ 29.000. Segundo a Crypto Parrot, o volume de trades de Bitcoin aumentou principalmente depois que o ativo ultrapassou a marca de US$ 30.000 e alcançou a máxima na região dos US$ 34.400.

Esses números, no entanto, ocorreram apenas em janeiro de 2021 e não estão no comparativo com as empresas do Vale do Silício.

Share Article

Sou jornalista e especialista, pela USP-SP, em Comunicação Digital. Já trabalhei em rádio e impresso, mas boa parte da minha experiência vem do online. Desde 2013, colaboro regularmente com o Grupo Globo na área de tecnologia, onde já cobri assuntos diversos da área, de lançamentos de produtos aos principais ataques hackers dos últimos anos. Também já prestei consultoria em projetos do Banco Mundial e da ONU, entre outras instituições com foco em pesquisa científica. Entrei no mundo das criptomoedas principalmente na cobertura de ataques cibernéticos e golpes no Brasil. Atualmente, faço mestrado em Comunicação Científica na Universidade de Granada, na Espanha. Escrevo para o BeInCrypto desde abril de 2020.

SEGUIR O AUTOR

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá

Sinais grátis de compra e venda de criptos, análises do Bitcoin e chat com traders. Entre já no nosso Telegram!

Vamos lá