XRP x XLM: qual se sairá melhor em junho? Análise técnica

Compartilhar Artigo
EM RESUMO
  • A XRP está sendo negociada dentro de um canal de baixa.

  • Já a XLM está sendo negociada acima do suporte de US$ 0,325.

  • Os indicadores de longo prazo são mais otimistas para a XRP do que para a XLM.

  • promo

    Participe da nossa comunidade gratuita no Telegram e obtenha sinais de trade e análises de criptomoedas todos os dias!

The Trust Project é um consórcio internacional de veículos de notícias que criam padrões de transparência.

O propósito tanto  da XRP (XRP) como da Stellar (XLM) é de movimentar dinheiro com custos baixos a altas velocidades. Enquanto a primeira se concentra mais no setor bancário, a segunda foca em partes do mundo sem instituições financeiras.

Patrocinados



Patrocinados

Neste artigo, o BeInCrypto analisa a movimentação de ambas as criptomoedas para determinar qual tem maior potencial de se valorizar no mês de junho.

XRP

A XRP tem caído consideravelmente nos últimos dias de maio, indo abaixo do suporte de US$ 1. No entanto, o ativo voltou a subir após bater em US$ 0,66, validando essa zona como um suporte de preço.

Patrocinados



Patrocinados

Antes da grande alta de março, a XRP estava sendo negociada abaixo desse nível desde abril de 2018. Portanto, o preço acumulou por cerca de três anos antes de romper e agora voltou a ele para validar a área como suporte.

Os indicadores técnicos ainda fornecem uma perspectiva otimista. O oscilador estocástico está subindo e o RSI está acima de 50, o que indica força por parte dos compradores.

Embora o indicador MACD tenha gerado várias barras de baixa, ele não deu um sinal de reversão de tendência devido à falta de um fechamento de baixa.

Portanto, as análises semanais ainda são otimistas. Os próximos níveis de resistência estão em US$ 1,70 e US$ 2,07.

Gráfico da XRP no TradingView

Já o gráfico diário mostra um canal de baixa, em vigor desde 14 de abril. Esses canais costumam indicar movimentos corretivos.

Movimentando-se dentro do canal, a XRP caiu abaixo da área de suporte de US$ 0,90. No entanto, voltou a subir no dia 23 de maio (círculo vermelho) e tem valorizado desde então. Isso transforma o rompimento anterior em um desvio, o que provavelmente levará a um movimento do preço na outra direção.

Os indicadores técnicos do gráfico diário também são relativamente otimistas. O MACD deu um sinal de reversão de alta e o RSI está subindo, embora esteja abaixo de 50. No entanto, o oscilador estocástico ainda é de baixa.

A principal área de resistência é encontrada em US$ 1,46, que é a linha de resistência do canal. Se a moeda conseguir se mover para cima deste nível espera-se que suba em direção às resistências anteriormente delineadas em US$ 1,70 e US$ 2,07.

Gráfico da XRP no TradingView

O gráfico do par XRP/BTC também parece otimista. Ele mostra um rompimento de uma linha de resistência descendente que está em vigor desde agosto de 2018. O movimento é semelhante ao rompimento do par USD acima da área de US$ 0,66.

Além disso, os indicadores técnicos são otimistas. O MACD está subindo, quase cruzando acima da linha 0, o oscilador estocástico está subindo depois de fazer um cruzamento de alta e o RSI está acima de 50, além de gerar uma divergência de alta.

Existe uma forte resistência em 4.200 satoshis. Se ocorrer uma ruptura, a XRP pode subir a uma velocidade acelerada.

Gráfico do par XRP/BTC no TradingView

XLM

O gráfico semanal mostra que a XLM caiu consideravelmente na segunda metade de maio, chegando à mínima de US$ 0,256. No entanto, ela recuperou a área de US$ 0,325 logo depois, validando-a como suporte novamente.

Apesar da recuperação, os indicadores técnicos são de baixa. O RSI está abaixo de 50 e o oscilador estocástico fez um cruzamento de baixa (ícone vermelho). Além disso, o MACD está caindo.

Gráfico da XLM no TradingView

O gráfico diário falha em confirmar a direção da tendência, uma vez que os indicadores técnicos são de baixa ou neutros.

Embora não haja um padrão claro, é possível que a XLM esteja sendo negociada dentro de uma cunha de baixa. No momento, o preço está bem na linha de suporte do padrão, que também coincide com a área de suporte anteriormente delineada em US$ 0,325.

Porém, o padrão ainda não foi confirmado, uma vez que apenas a linha de suporte foi validada.

Gráfico da XLM no TradingView

O gráfico do par XLM/BTC é mais otimista. Depois de acumular por 300 dias, ele rompeu a área de 1.050 satoshis.

A queda que se seguiu fez com que o preço voltasse a validar o nível como suporte. Além disso, os indicadores técnicos são de alta, uma vez que o MACD, RSI e oscilador estocástico estão todos positivos. No entanto, eles estão mostrando falta de força do movimento.

Porém, a tendência pode ser considerada de alta, desde que a XLM esteja sendo negociada acima de 1.050 satoshis. A próxima resistência é encontrada em 2.000 satoshis.

Gráfico do par XLM/BTC no TradingView

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome com base nas informações contidas em nosso site é por sua própria conta e risco.
Patrocinados
Share Article

Valdrin é um entusiasta de criptomoedas e um operador financeiro. Depois de obter um mestrado em Mercados Financeiros na Barcelona Graduate School of Economics, começou a trabalhar no Ministério do Desenvolvimento Econômico em seu país natal, Kosovo. Em 2019, ele decidiu se concentrar em tempo integral em criptomoedas e negociação.

SEGUIR O AUTOR

Sinais de mercado, estudos e análises! Entre hoje no nosso Telegram!

Entrar agora

Sinais de mercado, estudos e análises! Entre hoje no nosso Telegram!

Entrar agora

Sinais de mercado, estudos e análises! Entre hoje no nosso Telegram!

Entrar agora